Vereadores dizem que foram ameaçados por ex-prefeito ao tentar averiguar denúncia

Vereadores de Rubiácea disseram ter sido ameaçados pelo ex-prefeito Wilson de Novais (sem partido), marido da atual chefe do Executivo, Lenira Novais (PSD). Novais teria tirado uma faca durante uma fiscalização dos parlamentares de denúncia de que um trator da Prefeitura estaria prestando serviços em propriedade particular do casal. 

O presidente da Câmara, Manoel dos Santos Vieira (DEM), e os vereadores Egmar de Souza (PSB) e Cláudio Cavalcante (PMDB) receberam informação anônima de que um trator da administração municipal teria sido levado por um funcionário público, na última terça-feira (22), até uma das propriedades de Novais. O veículo teria permanecido no local até o dia seguinte (23).

Funcionários da Secretaria Municipal de Agricultura teriam confirmado que o trator estava prestando serviços na propriedade do marido da prefeita. Porém, a pasta teria se recusado a mostrar o requerimento e os recibos de pagamento por horas prestadas a particulares. Os vereadores apuraram que todos os motoristas aptos a trabalhar estavam no almoxarifado.

NEGOU 
Novais também registrou o ocorrido na Polícia Civil. Ele afirmou que realmente abordou o presidente do Legislativo para tirar satisfações, mas negou que estava armado. Segundo o ex-prefeito, o presidente e os vereadores estavam filmando sua propriedade. Eles teriam continuado a gravação enquanto ele se dirigia para cidade. 

Lenira disse à Folha que o trator pode prestar serviços para Novais, pois ele também é produtor rural. Ela afirmou que seu marido fez a requisição do equipamento e pagou para utilizá-lo. A prefeita informou ainda que não recebeu nenhum pedido de requerimentos e comprovantes de pagamento por parte dos vereadores.

Leia esta notícia na íntegra em nossa edição digital para assinantes
LINK CURTO: http://folha.fr/1.358137

Curta nossa fanpage e receba notícias pelo Facebook