Na apresentação, serão interpretadas ainda canções de Natal e obras de Pixinguinha, Felix Mendelssohn Bartholdy, entre outros

USP-Filarmônica faz concerto esta noite em Birigui

Espetáculo faz parte das comemorações do 106º aniversário

Pela primeira vez, Birigui recebe o concerto da USP-Filarmônica, orquestra e coral de alunos da Universidade de São Paulo, câmpus Ribeirão Preto. Inédita, a apresentação faz parte das comemorações do 106º aniversário da cidade e acontece nesta sexta-feira (8), a partir das 18h, na Igreja Matriz.

A orquestra fará homenagem ao maestro Antônio Passarelli, que dá nome à corporação musical do município, com interpretação da canção “O Biriguiense”, composição do próprio maestro. Serão executadas também as canções “Salve Regina” e “Antífona de Nossa Senhora”, de José Joaquim Emerico Lobo de Mesquita, em louvor à Imaculada Conceição, padroeira da cidade.
 
Composta por 24 músicos e 12 cantores do coral, entre alunos e convidados, eles estarão sob regência do maestro Rubens Russomano Ricciardi. Na apresentação, serão interpretadas ainda canções de Natal e obras de Pixinguinha, Felix Mendelssohn Bartholdy, Giovanni Battista Pergolesi, Manuel Dias de Oliveira, além de Bach e Mozart.

ORQUESTRA
Fundada em 2011, a USP-Filarmônica é a orquestra do departamento de música da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras da USP. Seus músicos são alunos de graduação bolsistas da pró-reitoria de Cultura e Extensão Universitária e da pró-reitoria de Graduação. Realiza a fusão entre a composição contemporânea do séculos 21, a pesquisa musicológica e a interpretação/execução.

MAESTRO 
Nascido em 11 de dezembro de 1889, em Castel Ruggero, Província de Salermo, na Itália, Passarelli migrou para o Brasil no começo do século 20 e começou a frequentar aulas de música e tornou-se regente. Em 1921, mudou-se para Birigui para organizar banda que recebeu diferentes denominações. Ele faleceu em 1967.

No cinquentenário de Birigui, em 1961, o nome da corporação foi alterado para Corporação Musical Maestro Antonio Passarelli, em homenagem ao maestro pioneiro na regência da banda da cidade e que permaneceu 30 anos sob sua coordenação.

LINK CURTO: http://folha.fr/1.378016

Curta nossa fanpage e receba notícias pelo Facebook