Lar do Vovô foi escolhido para fazer a doação por ser a única associação beneficente de Glicério

Multa contra prefeitura é revertida para entidades

Em forma de precatórios

A Prefeitura de Glicério vai repassar à Associação Beneficente Lar do Vovô, com sede na cidade, e à Apae (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais) de Penápolis, valores referentes a uma multa por irregularidades trabalhistas. Cada uma das entidades será beneficiada com R$ 59.500,00 e o dinheiro será repassado em parcelas, em forma de precatórios.

Em nota divulgada à imprensa, a administração municipal informa que o repasse autorizado pelo prefeito Ildo de Souza (PSDB) atende determinação da Justiça. O valor é referente a multa prevista em ação civil pública movida pelo Ministério Público do Trabalho contra a administração municipal.

Segundo a Prefeitura, a ação tramita na Justiça do Trabalho de Penápolis e foi ajuizada em dezembro de 2014, resultado de dois inquéritos civis. "Fiscalização do MPT, realizada em 6 de junho de 2016, constatou diversas irregularidades trabalhistas cometidas pela gestão anterior", informa a administração municipal.

O Lar do Vovô foi escolhido para fazer a doação por ser a única associação beneficente de Glicério. A entidade enfrenta dificuldades financeiras devido à queda das doações, aumento de despesas e do pequeno número de sócios contribuintes.

Ela acolhe 20 idosos residentes, muitos deles de outras cidades da região, entre elas, Coroados, Braúna, Brejo Alegre, Birigui e Penápolis, e conta com doações e eventos como shows de prêmio, leilões e almoços para complementar a renda.

Já a Apae de Penápolis será contemplada por atender 14 alunos de Glicério. A presidente do Lar do Vovô, Andréa Castilho Quideroli, agradeceu à Prefeitura pela consideração com a associação.

LINK CURTO: http://folha.fr/1.399193

Curta nossa fanpage e receba notícias pelo Facebook