Mecânico é preso após agredir companheira com socos e chutes

Um mecânico de automóveis de 33 anos foi preso, na noite de domingo (16), em Avanhandava (a 69 km de Araçatuba), acusado de agredir a companheira, de 28, com socos e chutes. O caso ocorreu por volta das 19h30 na rua João Domingues, no bairro Vila Industrial.

A vítima contou que estava no quintal do imóvel, porém não tinha como abrir o portão, já que o acusado havia saído e trancado. Ela relatou que quebrou o cadeado, quando o mecânico passou a agredi-la com socos, chutes, além de apertar um dos braços.

A Polícia Militar esteve no local e encontrou o acusado, que confirmou as agressões. A vítima foi levada ao pronto-socorro, onde passou por atendimento médico. O acusado foi levado ao plantão policial de Penápolis para prestar esclarecimentos.

FIANÇA

Na unidade, o delegado plantonista arbitrou fiança de R$ 945 para que ele respondesse o processo em liberdade. Como a quantia não foi paga, o mecânico foi encaminhado para a cadeia.