José de Oliveira teria problemas mentais e não costumava sair da cidade

Identificado corpo de homem atropelado em vicinal

Vítima recolhia materiais recicláveis, segundo a família

O corpo do homem atropelado na noite de quinta-feira (7) na vicinal Armando Viana Egreja, em Avanhandava (a 69 km de Araçatuba), é do aposentado José de Oliveira, de 69 anos, que morava em Promissão. Parentes foram ao IML (Instituto Médico Legal) de Araçatuba e identificaram o corpo na manhã desta segunda-feira (11).

Segundo os familiares, a vítima recolhia materiais recicláveis em Promissão e estava desparecido desde o dia que ocorreu o atropelamento. Ele teria problemas mentais e não costumava sair da cidade. 

CAMBALEANDO
Conforme o boletim de ocorrência, um comerciante de 39 anos disse que transitava pela rodovia, no sentido Penápolis a Avanhandava, quando acabou atropelando o homem que estava sobre a pista, no quilômetro sete.

Ele contou que viu a vítima cambaleando sobre a pista, mas que não conseguiu frear o veículo que conduzia a tempo. Com o impacto, o homem foi arremessado para a faixa de sentido contrário da rodovia. Por causa disso, a vítima foi atropelada novamente por outros veículos que transitavam nesta faixa da pista. 

A Polícia Militar fazia patrulhamento, quando recebeu a informação de que havia um homem andando sobre a vicinal e que cambalearia, tendo quase ocasionado um acidente. Os PMs foram ao local, mas, ao chegarem, deparam-se com a vítima na rodovia.

LINK CURTO: http://folha.fr/1.361175

Curta nossa fanpage e receba notícias pelo Facebook