GOE encontra "gato" de energia em fazenda de médico

Polícia Civil de Araçatuba identificou fraude no medidor de energia elétrica de uma fazenda em Penápolis

Equipe do GOE (Grupo de Operações Especiais) da Polícia Civil de Araçatuba identificou fraude no medidor de energia elétrica de uma fazenda em Penápolis, pertencente a um médico de 70 anos e residente no bairro Village, considerado de alto padrão. Ele não estava na propriedade e poderá ser indiciado por furto de energia elétrica.

 Os investigadores foram até a propriedade após denúncia anônima de furto de energia mediante fraude no medidor. Acompanhados de técnicos da CPFL Paulista, eles foram recepcionados por um morador na fazenda, que indicou onde o equipamento estava instalado.

 Os policiais relataram no boletim de ocorrência, que bastou breve vistoria no relógio para constatar que ele estava sem os lacres de segurança da empresa e que os encaixes da tampa estavam quebrados, o que facilita a adulteração.

Além disso, foi verificado que o relógio estava girando no sentido anti-horário, que é o contrário do normal. Ao constatar fraude, os investigadores telefonaram para o celular do filho do médico, que informou que estava a caminho, mas não apareceu na propriedade.

 Os técnicos da CPFL Paulista retiraram o medidor fraudado, que foi apreendido e será periciado, e instalaram outro equipamento no local.

 Outra irregularidade apontada pela vistoria foi uma ligação de energia solar fotovoltaica no mesmo relógio medidor. Esse tipo de ligação, de acordo com o boletim de ocorrência, só poderia ser feita mediante comunicação à companhia elétrica e com a instalação de um medidor específico.

 O boletim de ocorrência foi registrado como furto qualificado.

LINK CURTO: http://folha.fr/1.399772

Curta nossa fanpage e receba notícias pelo Facebook