Reconhecimento se deu por meio de uma tatuagem no braço esquerdo da vítima

Família identifica corpo de homem encontrado em canavial

Vítima tinha 26 anos e era usuária de droga

O corpo encontrado na noite de segunda-feira (12) em um canavial na zona rural de Castilho (a 126 km de Araçatuba) é de Leonardo Aquino de Jesus, 26 anos, morador do conjunto Nova York. A identificação foi feita por um tio da vítima, um autônomo de 43 anos, residente em Valparaíso. 

Como não foram encontrados documentos, o reconhecimento se deu por meio de uma tatuagem no braço esquerdo da vítima. Segundo o familiar, Jesus era usuário de entorpecentes e pode ter sido morto por dívida de drogas. 

Ele estava desaparecido desde o dia 5 deste mês, quando recebeu pagamento pelo trabalho como cortador de cana. Como ele havia desaparecido outras vezes, a família não registrou boletim de ocorrência.

O corpo foi encontrado no canavial que fica na estrada do bairro Junqueira, com uma perfuração no ombro e outra perto do pescoço. O cadáver estava em avançado estado de decomposição e ao lado foi encontrada metade de uma nota de R$ 50. O enterro aconteceria na tarde desta terça-feira (13), sem a realização de velório. (Colaborou Roni Willer)