Esta é a segunda vez no ano que Odair do Paulista foi preso

Ex-vereador e candidato a vice-prefeito é preso por furto de energia elétrica

Acusado foi surpreendido por policiais militares

O ex-vereador biriguiense Odair Rodrigues Fernandes, o Odair do Paulista (PR), 40 anos, foi preso pela Polícia Civil na tarde desta segunda-feira (29) acusado de furto qualificado de energia elétrica. Odair é presidente do diretório local do PR e foi candidato a vice-prefeito na última eleição e foi levado para a cadeia de Penápolis.

Segundo apurado pela reportagem, policiais civis e funcionários da CPFL Paulista foram até o supermercado dirigido pelo político, que fica na rua Bahia, Jardim Tóquio, para cumprirem mandado de busca. O documento foi expedido pela Justiça para apurar denúncias de mercadorias de origem ilícita e também furto de energia. A informação sobre os possíveis crimes foram repassadas pela DIG (Delegacia de Investigações Gerais) de São José do Rio Preto, que apura a venda de tais mercadorias.

No entanto, ao chegarem no local, os agentes não encontraram nenhuma das mercadorias indicadas no mandado. Mas, ao verifarem o relógio medidor de energia, perceberam quem ele estava com o lacre danificado e que as chaves de energia não registravam o consumo instantâneo do prédio.

Foi solicitada a presença da Polícia Científica, que constatou realmente haver furto de energia mediante fraude no relógio medidor. Com isso, o vereador foi preso em flagrante e levado para a delegacia da cidade. Após ser ouvido, foi encaminhado para a cadeia de Penápolis, onde ficará preso aguardando audiência de custódia.

CASO
Esta é a segunda vez no ano que o ex-vereador foi preso. Em janeiro, foi preso também pela PM após ser flagrado em uma caminhonete com uma espingarda equipada com um silenciador. Apesar de a arma ser de uso permitido, o acessório é proibido, por isso, não houve direito a fiança.

O flagrante, naquele dia, ocorreu em uma estrada rural no bairro do Taquari. Os PMs abordaram uma caminhonete e reconheceram Odair. Durante revista, os policiais encontraram a espingarda calibre 22 no assoalho. O político assumiu a propriedade da arma. Ainda foram encontrados canivetes no porta-luvas, uma serra, duas facas e um amolador. Odair disse que voltava de um sítio que possui em Piacatu, onde havia ido caçar, mas não havia matado nenhum animal.

Ele também foi preso em flagrante naquela oportunidade e acabou deixando a cadeia no dia seguinte após ter pedido de liberdade provisória expedido pela Justiça.

CARREIRA
Além de ter exercido o mandato de vereador na legislatura passada, Odair do Paulista foi candidato a vice-prefeito de Birigui nas eleições de outubro, na chapa do candidato Gilmar Treco Cavaca (PSDB), ficando em quarto lugar com 2.711 votos.

LINK CURTO: http://tinyurl.com/y7ceezq4