Policiais militares encontraram no imóvel um revólver calibre 32 sem registro na casa do ex-prefeito

Ex-prefeito é preso com arma sem registro em operação

O ex-prefeito de Guaraçaí Alceu Cândido Caetano (PSDB), 63 anos, foi preso de manhã de terça-feira (9), em casa, durante a operação do Ministério Público na região. Policiais militares encontraram no imóvel um revólver calibre 32 sem registro. A delegada Larrisa Nakaya Macchi informou que ele foi apresentado à delegacia às 8h30 e alegou ter comprado a arma há mais de 40 anos e nunca tê-la usado.

"O revólver estava em uma caixa, bem guardadinho, e não tinha munição", disse. Como a posse de arma sem registro é crime, a delegada arbitrou fiança no valor de dez salários mínimos para que Caetano pudesse responder em liberdade. Como ele pagou os R$ 6.780 devidos, foi liberado. O ex-prefeito deixou a delegacia ao meio-dia.

A prisão de Caetano não fez parte dos mandados a serem cumpridos na operação. Como o tucano era um dos investigados da ação do Gaeco em prefeituras da região de Araçatuba, buscas foram feitas na casa de Caetano, que governou a cidade nos últimos oito anos.