Momento em que policiais civis abordam automóvel com acusados em pedágio

Dupla de Araçatuba é presa acusada de aplicar golpes na região

Uma mulher também foi presa; VEJA FOTOS E VÍDEO

Dois moradores em Araçatuba, um vendedor de 52 anos do bairro Claudionor Cinti, e um autônomo de 41, do Hilda Mandarino, foram presos na tarde desta quinta-feira (8), acusados de aplicarem golpes em várias cidades da região. Uma dona de casa de 49 anos, moradora em Cambé (PR), também foi presa. Os três haviam acabado de enganar uma idosa em Castilho (a 126 km de Araçatuba) e a polícia recuperou os R$ 5,9 mil que eles haviam tirado dela.

O flagrante aconteceu pouco depois das 12h, quando os acusados fugiam com um veículo Astra, com placas de Araçatuba, pela rodovia Marechal Rondon (SP-300). Eles foram abordados quando pararam na praça de pedágio de Lavínia.

 VEJA O MOMENTO DA PRISÃO: 

 

De acordo com a polícia, o grupo estava sendo investigado pela Polícia Civil de Jales por estar aplicando golpes na região há cerca de dois meses. Os policiais já tinham informações do carro usado e dos autores. No último dia 6, chegou a informação de que o trio novamente teria tentado aplicar o golpe do bilhete premiado em idosos que iam às agências bancárias da cidade.

O grupo foi monitorado e vítimas foram ouvidas na delegacia. Todas contaram que inicialmente foram abordados pela mulher, que perguntava sobre uma empresa de confecções. Em seguida, surgia um dos homens, que se apresentava como empresário e oferecia ajuda. Durante a conversa, essa pessoa informava que tinha um bilhete premiado e precisava de ajuda para resgatar o prêmio. Como as vítimas recusaram, não tiveram prejuízo financeiro.

MONITORAMENTO
Os policiais continuaram monitorando a quadrilha, que esteve em Castilho pela manhã e a mulher abordou uma aposentada de 70 anos. A vítima foi colocada no carro com os outros dois acusados e seguiu com eles até a agência do Banco do Brasil. 

Um dos homens permaneceu do lado de fora do banco, enquanto o casal entrou com a aposentada. Os policiais viram o grupo deixar a agência e seguir para o Bradesco. Ao sair do banco, ela entrou novamente no carro com o trio e o veículo deu uma volta na cidade, mas parou em uma rua próxima ao Centro, onde a idosa desembarcou e os acusados deixaram o local com o Astra.

A vítima foi abordada por uma policial, contou o que havia ocorrido e foi informada que havia caído em um golpe. De volta ao banco Bradesco, ela descobriu que os estelionatários tinham ficado com o dinheiro dela e, em troca, deixaram um envelope cheio de jornal.

Enquanto isso, outro grupo de policiais acompanhava o carro, que seguiu em direção a Araçatuba. Ao serem informados que o crime tinha sido consumado, os investigadores fizeram a abordagem e prenderam os três em flagrante. Eles foram levados para a delegacia de Castilho, onde foi registrado o boletim de ocorrência.

O trio estava com R$ 6.137,00 em dinheiro e confessou o crime. Desse total, R$ 5.917 foram devolvidos à idosa.