Legislativo também rejeitou projeto que concedia gratificações a servidores

Câmara de Penápolis aprova construção de casas para servidores

Os servidores municipais de Penápolis que ainda não possuem casa própria terão uma grande chance de realizar o sonho da moradia. A Câmara aprovou, em regime de urgência, projeto do Executivo que trata da construção de 78 casas para a categoria. 
 
A Prefeitura participará com a doação dos terrenos e a CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano) realizará as obras por meio de empresa a ser contratada em licitação.
 
GRATIFICAÇÕES REJEITADAS
O Legislativo penapolense rejeitou, em segunda votação, por 11 votos a um, projeto de lei do Executivo que concedia gratificações a servidores que exercem funções de pregoeiro e em comissões de licitação e sindicâncias. 
 
O único favorável ao projeto foi o parlamentar Francisco José Mendes, o Tiquinho (PSDB). A mudança na votação dos vereadores aconteceu após parecer da assessoria jurídica da Câmara entender ser ilegal a tramitação, pois o município havia ultrapassado os 54% de gastos com a folha de pagamento, ferindo frontalmente a lei de responsabilidade fiscal. (Ivan Ambrósio)
ACESSE AQUI A COLUNA
'PERISCÓPIO'
LINK CURTO: http://folha.fr/1.394279

Curta nossa fanpage e receba notícias pelo Facebook