Local atende, em média, 80 pessoas por mês; manutenção é da Prefeitura com repasses federais

Birigui inaugura programa para acolhimento de moradores de rua

Quase oito meses após entrar em operação, a Prefeitura de Birigui inaugurou, na manhã de quarta-feira (14), o Centro Pop João Dias de Almeida. Voltado para moradores de rua, o órgão atende, em média, 80 pessoas por mês. A inauguração tardia ocorreu em virtude do prédio, que é da Prefeitura, ter passado por algumas adequações e melhorias. Segundo o Executivo, os trabalhos foram feitos pelos próprios servidores a "custo zero".

Na solenidade, a secretária municipal de Assistência e Desenvolvimento Social, Marilene Galera Bernabé, informou que o programa tem por objetivo ofertar proteção integral a pessoa em situação de rua, contribuindo para prevenção do agravamento de casos de violação de direitos e ruptura de vínculos, através do restabelecimento de laços familiares ou comunitários. "O tratamento oferecido busca resgatar a dignidade do ser humano e dar a oportunidade de sua reinserção social", disse ela.

A psicóloga e coordenadora do Centro Pop, Ana Lúcia Vizioli Hashimoto, informou que a unidade tem oito funcionários que prestam serviço nas áreas psicossocial e socioassistenciais.

Ao chegar ao centro, o usuário recebe um kit com sabonete, creme dental, escova de dente, creme de barbear, bucha vegetal, xampu, condicionador, hidratante corporal, pente, chinelo e mochila. "Servimos também café da manhã e os encaminhamos para o Restaurante Popular, onde é servido almoço", explicou Ana Lúcia.

SERVIÇO
O Centro Pop de Birigui fica na rua Santa Tereza, 365, na Vila Troncoso. O atendimento é feito de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Mais informações: (18) 3643-1235.