Reino Unido defende acordo temporário com UE no processo do Brexit

Qualquer acordo temporário entre o Reino Unido e a União Europeia no processo de saída do país do bloco, o chamado Brexit, precisa ser fechado em breve, já que o valor da iniciativa para empresas e pessoas diminuirá com o tempo, afirmou o ministro das Finanças, Philip Hammond, nesta quarta-feira ao Comitê do Tesouro. Segundo ele, com o passar do tempo é "evidente" que o acordo de transição perde valor. "Os parceiros europeus precisam pensar muito cuidadosamente sobre a necessidade de acelerar a fim de proteger o valor potencial para todos nós de ter um período interino", comentou.

Hammond disse ainda que o Reino Unido não comprometerá fundos como preparativos para a chance de não haver acordo com a UE antes do necessário. "Nós estaremos prontos, gastaremos o dinheiro de calculada para garantir que estejamos prontos, mas não gastaremos antes do necessário apenas para reforçar um argumento", afirmou. Segundo ele, ainda é muito cedo para estabelecer um montante específico de investimentos necessários. Hammond comentou ainda que o dinheiro requerido para um cenário de ausência do acordo com a UE viria das reservas do país. Fonte: Dow Jones Newswires.
LINK CURTO: http://folha.fr/1.367058

Curta nossa fanpage e receba notícias pelo Facebook