Operação fecha chácara da Albertina, famosa boate de Ribeirão Preto

Uma operação conjunta de prefeitura, polícias e Ministério Público em Ribeirão Preto lacrou na noite de quinta-feira (22) a Baton Rouge, conhecida como chácara da Albertina e uma das boates com shows de striptease mais famosas do interior paulista.
Também foram lacradas na mesma operação a boate New Fantasy, na Jardim Anhanguera, e uma casa de massagens da rua Olavo Bilac, no centro.

Elas foram fechadas por falta de alvará de funcionamento e problemas na documentação, como ausência do auto de vistoria do Corpo de Bombeiros, segundo o chefe do Departamento de Fiscalização Geral da prefeitura, Osvaldo Braga.

Não foram encontradas garotas de programa menores de idade, que era um dos motivos da operação. A ação contou com as polícias Civil e Militar e Corpo de Bombeiros, além do comissário de menores da Vara da Infância e Juventude.

Além da lacração por razões administrativas, a Vigilância Sanitária do município autuou a New Fantasy por encontrar na cozinha do local alimentos sem a indicação de procedência e por falhas na lavagem da roupa de banho. A casa terá dez dias para apresentar defesa e, em última instância, aplicar multa.

OUTRO LADO
A reportagem conversou por telefone com funcionários da Baton Rouge, mas eles disseram que a empresa não falaria - também se negaram a informar o nome do advogado da casa, como a reportagem solicitou.

O gerente-geral da New Fantasy, Marcos Gonçalves, disse que o projeto estrutural da casa já está aprovado no Corpo de Bombeiros desde 2008, mas que a corporação exigiu algumas novas adaptações, que estão sendo realizadas. Segundo ele, os reparos devem terminar em até 15 dias.

Sobre a lacração, a direção da casa noturna disse que deve entrar com um mandado de segurança até a próxima sexta-feira para reabrir. Até lá, disse, a New Fantasy permanecerá fechada.

A reportagem não conseguiu ouvir proprietários da casa de massagem do centro - a prefeitura não informou nome do local.

Curta nossa fanpage e receba notícias pelo Facebook