Wilson Marini é editor-executivo da APJ (Associação Paulista de Jornais)

Marini: Estado de São Paulo ganha mais 31 cidades turísticas

A Assembleia Legislativa aprovou na semana passada projeto de lei que classifica mais 31 cidades como Municípios de Interesse Turístico (MITs). Essas localidades também passarão a receber recursos anuais do governo do Estado para serem aplicados na infraestrutura turística local, especialmente sinalização e serviços de apoio. Foram beneficiadas desta vez Altinópolis, Araraquara, Araras, Areias, Cabreúva, Campina do Monte Alegre, Cardoso, Cruzeiro, Itapuí, Itupeva, Jaú, Lençóis Paulista, Limeira, Lins, Mairiporã, Mira Estrela, Mogi das Cruzes, Nazaré Paulista, Novo Horizonte, Rancharia, Registro, Riolândia, Rosana, Santa Branca, Santa Cruz do Rio Pardo, Santo Expedito, São Simão, Tabatinga, Tambaú, Uchôa e Votuporanga. 

Mapa do turismo
Para que seja considerada de interesse turístico, a cidade deve ter atrativos, atendimento médico para emergências, serviços de hotéis e de alimentação, informações turísticas e abastecimento de água e esgoto. A classificação garante 650 mil reais por ano a cada prefeitura. Além das 70 estâncias já existentes no Estado, 140 municípios serão incluídas na categoria. No primeiro semestre, já haviam sido confirmados os municípios de Agudos, Barretos, Brodowski, Buritama, Espírito Santo do Pinhal, Guararema, Iacanga, Jundiaí, Martinópolis, Monte Alto, Pedreira, Piedade, Rifaina, Rubineia, Sabino, Sales, Santa Isabel, Santo Antônio da Alegria, Tapiraí e Tatuí.

Botucatu em alta
O curso de medicina da Unesp de Botucatu é agora o mais disputado do País: 28.147 candidatos para 90 vagas, o que representa 312,7 por vaga, aumento de 17,5% em relação do vestibular do ano passado. Este ano, 107.818 candidatos se inscreveram em 173 cursos e 7.365 vagas da Unesp, em 23 cidades paulistas.

Tecnologia em Bauru
A AES Tietê inaugurou quinta-feira (26) o seu Centro de Operações de Geração de Energia, em Bauru. É considerado “o mais tecnológico do Brasil”. Opera remotamente todas as usinas e eclusas da companhia. Foram investidos R$ 20 milhões, que contemplam a implantação de um datacenter, sistema de geração solar fotovoltaico, microrrede inteligente, controle de segurança de barragens, sistema de monitoramento das bordas dos reservatórios e a operação dos ativos da companhia. São Paulo se tornará o estado com maior produção solar do Brasil, segundo o presidente da AES Tietê, Ítalo Freitas.

Da porteira para dentro
O agronegócio paulista este ano deverá alcançar R$ 77 bilhões, 2,1% mais que em 2016, segundo o Instituto de Economia Agrícola (IEA). O volume de cana chegará a 447,5 milhões de toneladas, 2% superior ao do ano passado, e a produção atingirá 32,3 bilhões, aumento nominal de 15% sobre 2016. O setor citrícola registrará aumento de 22,1% na colheita de laranja, chegando a mais de 320 milhões de caixas de 40,8 quilos, 259,4 milhões das quais destinadas às indústrias de suco; a produção projeta alcançar R$ 7 bilhões, 39,2% acima de 2016.

Vacinação do gado
Os bovinos e bubalinos do rebanho paulista - 11 milhões de cabeças -, devem ser vacinados contra a febre aftosa até o dia 30 de novembro. O lançamento da segunda etapa da campanha será no dia 1º de novembro. A vacinação é obrigatória. 

Precatórios
O cidadão que tem uma dívida para receber do Estado de São Paulo poderá beneficiado se for aprovado projeto de lei que sugere fazer a compensação do precatório com dívida tributária. Ou seja, se a pessoa tem um precatório para receber, e deve um imposto, como o IPVA, poderá usar parte do valor para abater a dívida. 
 
Acidentes em queda
O número de mortes em acidentes de trânsito no Estado de São Paulo caiu 2,2% no período de janeiro a setembro deste ano. O número de vítimas fatais de janeiro a setembro 2017 foi de 4.218 contra os 4.313 óbitos verificados no ano anterior. O número de acidentes sem vítimas também caiu: de janeiro a setembro de 2017, foram registradas 134.946 ocorrências, contra 144.084 no mesmo período de 2016, redução de 6,3%. 

Cães de aluguel
A Comissão de Constituição, Justiça e Redação da Assembleia deu sinal verde para projeto do deputado estadual Feliciano Filho (PSC) que proíbe a prestação de serviços de segurança e vigilância patrimonial por cães de guarda. Muitas empresas abandonam esses animais à própria sorte e os obrigam a trabalhar como máquinas, sem direito a afeto e muitas vezes sem comida e água, correndo ainda o risco de serem envenenados, argumenta o deputado. Os cães de aluguel já são proibidos por lei no Paraná, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro e Santa Catarina.

Nova sede 
A Associação Paulista de Municípios (APM) está de casa nova, à rua Araçari, 125, no Itaim Bibi, na capital. O governador Geraldo Alckmin participou da inauguração do novo espaço, quinta-feira.

Virtual
Sorocaba terá um polo da Universidade Virtual do Estado de São Paulo (Univesp).

Desafio
A Fapesp) reservou R$ 10 milhões para pequenas empresas interessadas em desenvolver soluções para a área de saúde, entre elas uma armadilha tecnológica para monitorar o mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, da zika e da chikungunya.

ACESSE AQUI A COLUNA
'CONTEXTO PAULISTA'

LINK CURTO: http://folha.fr/1.370762

Curta nossa fanpage e receba notícias pelo Facebook