Com a colisão, o ônibus bateu em uma residência em Itapetininga

Colisão entre transportes escolares mata menina de 9 anos

Outras 15 pessoas ficaram feridas, entre adultos e crianças

A colisão entre um ônibus e uma van escolar no começo da noite de segunda-feira, 13, matou uma menina de 9 anos e deixou cerca de 15 feridos, entre crianças e adultos, no município de Itapetininga, interior de São Paulo.

Os veículos colidiram em um cruzamento do bairro Vila Gramado 1 por volta das 18h. Segundo o Corpo de Bombeiros, não há sinalização no local. No ônibus estavam apenas o motorista e um auxiliar, que estão em estado grave.

A van era dirigida por uma mulher, que está em coma segundo a Polícia Militar, e transportava crianças de 6 a 10 anos de idade. A morte de Lívia Stéfanni Fidelis de Freitas, de 9 anos, foi constatada por médicos do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Com o impacto da batida, o ônibus perdeu o controle e atingiu uma residência, onde ninguém se feriu. Fotos do acidente foram compartilhadas por moradores da região.

A prefeitura da cidade decretou luto oficial de três dias devido ao acidente. Segundo o órgão, a menina que morreu estudava na Escola Municipal Profª Benedita Vieira de Almeida Madalena, no Jardim Florestal, que terá as aulas suspensas nos dias de luto.

Na manhã desta terça-feira, 14, quatro adultos - dois motoristas, um monitor e a mãe de uma aluna - estavam internados no Hospital Regional.

No mesmo hospital, permaneciam internadas três crianças. Um terceiro aluno ferido foi transferido em estado grave para o Hospital das Clínicas de Botucatu. Outras cinco crianças feridas já tiveram alta. O corpo da menina Lívia Stéfani será sepultado às 17h, no Cemitério Municipal de Itapetininga.

LINK CURTO: http://folha.fr/1.373224