Tsonga surpreende Cilic e vai às semifinais em Roterdã; Melo cai nas duplas


O francês Jo-Wilfried Tsonga surpreendeu o croata Marin Cilic e garantiu vaga nas semifinais do Torneio de Roterdã, na Holanda, nesta sexta-feira. Cabeça de chave número 6, ele derrotou o principal favorito da competição por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (10/8) e 7/6 (7/5), em duas horas de partida.

Foi um confronto entre dois dos principais sacadores do circuito, o que resultou em uma partida inteira sem sequer uma quebra. Tsonga cedeu três break points, enquanto Cilic teve o serviço ameaçado em uma oportunidade, mas ambos souberam sair da adversidade.

Em meio ao equilíbrio, pesou o crescimento de Tsonga nos momentos decisivos da partida. O número 14 do mundo soube manter a calma nos tie-breaks de ambos os sets e aproveitou as poucas oportunidades que teve para fechar o confronto diante do sétimo melhor tenista da atualidade.

Agora, Tsonga terá pela frente na luta por uma vaga na decisão outro tenista com ranking melhor que o dele. O francês vai encarar o checo Tomas Berdych, quarto cabeça de chave em Roterdã e número 13 do mundo. Berdych passou pelas quartas de final também nesta sexta ao eliminar o eslovaco Martin Klizan, número 73 do ranking, por 2 sets a 0, com duplo 6/3, em 59 minutos de jogo.

Berdych assumiu o comando do confronto e fez o suficiente para se classificar. O checo não cedeu nenhum break point e aproveitou os três que teve a seu favor para abrir a vantagem necessária para vencer Klizan pela quarta vez na carreira, em quatro confrontos disputados entre eles.

Ainda nesta sexta-feira, o Torneio de Roterdã conhecerá seus outros dois semifinalistas. Cabeça de chave número 2 da competição, o austríaco Dominic Thiem vai encarar o francês Pierre-Hugues Herbert. Quem passar, duelará com o vencedor do jogo entre o belga David Goffin e o búlgaro Grigor Dimitrov, terceiro e quinto favoritos, respectivamente.

DUPLAS - Na chave de duplas, o brasileiro Marcelo Melo foi eliminado nas quartas de final, nesta sexta-feira. Ele e o polonês Lukasz Kubot, cabeças de chave número 4, foram surpreendidos pelos holandeses Wesley Koolhof e Matwe Middelkoop, que venceram por 2 sets a 0, com parciais 7/6 (7/2) e 6/3, em 1h27min de jogo.

Kubot e Melo entraram em quadra com todo o favoritismo, uma vez que ocupam a nona e a 20.ª posição no ranking de duplas, respectivamente. No entanto caíram para Koolhof, 61.º, e Middelkoop, 63.º do mundo entre os duplistas, que só entraram no torneio através de convite.

Os holandeses foram melhores durante o confronto desta sexta e conseguiram quebrar o saque de Melo e Kubot em três oportunidades. Agora, Koolhof e Middelkoop enfrentarão na semifinal o também holandês Jean-Julien Rojer e o romeno Horia Tecau.