Atlético Nacional perde do Estudiantes e fica perto da eliminação na Libertadores

Atual campeão da Copa Libertadores, o Atlético Nacional está próximo de protagonizar um vexame e ser eliminado ainda na fase de grupos. Nesta quarta-feira, em duelo disputado na cidade de La Plata, na Argentina, o time colombiano perdeu o seu terceiro jogo na competição ao ser derrotado pelo Estudiantes por 1 a 0, em duelo válido pela terceira rodada do Grupo 1.

Em três jogos disputados, assim, o atual campeão não somou qualquer ponto. E, na última posição da chave, vai precisar vencer as suas três partidas restantes e torcer por uma combinação de resultados para avançar às oitavas de final. A chave é liderada por Botafogo e Barcelona, de Guayaquil, que têm seis pontos e se enfrentam nesta quinta-feira, no Equador. Já o Estudiantes soma três.

Embora tenha alcançado a condição natural de favorito após vencer o torneio em 2016, o Atlético Nacional perdeu seus principais jogadores como o centroavante Borja e o meia Guerra, para o Palmeiras, e o atacante Berrío, para o Flamengo. Assim, não conseguiu repetir as boas atuações.

E, nesta quarta-feira, em partida que reunia os times que não tinham somado nenhum ponto no grupo, a equipe colombiana foi superada por 1 a 0, com um gol marcado pelo atacante Javier Toledo ainda no primeiro tempo. Depois, não teve forças para reagir e se aproximou da eliminação.

GRUPO 8 - Ainda nesta quarta-feira, mesmo jogando na Venezuela, o chileno Deportes Iquique goleou o Zamora por 4 a 1 e somou os três primeiros pontos na competição. Grêmio e Guaraní, do Paraguai, lideram a chave - com seis pontos - e se enfrentam nesta quinta, em Assunção, enquanto que o Zamora possui três derrotas em três jogos.