Frio que atinge o Sul do País já chega a São Paulo

O frio que mudou a paisagem no Sul do País também causará impacto em São Paulo a partir desta terça-feira, 18. Uma frente fria que passa pelo Estado muda a direção dos ventos, levando ar frio e úmido do mar para o continente.

Segundo a Climatempo, as temperaturas devem cair na capital paulista - com mínima prevista de 9ºC e máxima de 15ºC nesta terça. Há, portanto, possibilidade de novos recordes no termômetro. Até agora, a menor mínima registrada na cidade pelo Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) ocorreu no dia 5 de julho, quando foram medidos 8,6ºC.

Nesta terça, a previsão é de que sejam registradas temperaturas invertidas - quando a maior marca do dia (que normalmente ocorre à tarde) é registrada na madrugada e a menor marca (que acontece no início da manhã) é registrada à noite.

O frio será sentido ainda no litoral e interior do Estado. A chuva também deve voltar a aparecer na cidade, mas as precipitações, de acordo com a Climatempo, ficam restritas ao leste e sul do Estado. Para o interior, não há previsão de chuvas.

Além de baixas temperaturas, a frente fria vai causar agitação marítima. No litoral sul de São Paulo, as ondas podem passar de 2 metros pela manhã e chegar a 2,5 metros ao longo da terça-feira. Já no litoral norte, a altura das ondas pode bater os 3 metros nesta terça. O mesmo fenômeno é previsto para o Rio.

Geadas

A massa de ar frio que causou nevascas no Chile e na Argentina desce os Andes, provocando geadas por toda a região Sul do Brasil, em Mato Grosso do Sul, na Serra da Mantiqueira e no sul de Minas Gerais pelos próximos seis dias, segundo a Climatempo.

Em Mato Grosso do Sul, a previsão é de que a temperatura fique abaixo de zero ao amanhecer nesta terça, em várias cidades do sul do Estado. Já em Mato Grosso, algumas áreas podem registrar menos de 10ºC nos próximos dias.