Yara Pedro Carvalho é presidente da Academia Araçatubense de Letras

Yara Pedro Carvalho: Esta nau não afundará

Ouvir ou ler todos os dias as notícias dos jornais e outros meios de comunicação cuspindo fogo de legados perdidos nas mãos dos escolhidos para fazerem, em nosso nome, todo o melhor possível para que a nação tenha o direito de elevar a assistência de seu povo, quem não leva a mão ao peito para segurar um infarto em evolução? 

Quem tem a facilidade da comunicação via internet acaba por receber torpedos com informações imediatas dos crimes hediondos praticados por estes escolhidos para nosso conforto moral e financeiro. Vivemos num global capitalismo, queiramos ou não, mas o poder da oferta que nos fulmina vem de todos os lados e sem trégua. 

A quantidade e qualidade do conforto nosso de cada dia é absurdo se compararmos com o que nos ofereciam dez anos atrás, pouco tempo mais ou menos. O bife já foi melhor quando frito na chapa do fogão a lenha, mas sujou muito menos que na frigideira borrifada de pouco óleo. Mais fácil ainda se colocado na fritadeira elétrica recém elevada ao patamar em que está. The best e de preço que confunde a mente. “É caro porque é melhor, é barato porque pode ser”??? E assim muitos outros produtos de ideias brilhantes que aparecem fora deste Brasil imenso, mas chegam quase na velocidade da luz pelos meios interestrelares e PÁ!!!, compre, compre e use já. 

O tempo urge e temos pressa de viver. Sem dizer que o consumidor compulsivo enlouquece e desestabelece o equilíbrio entre ter e poder ter, em questão de segundos, e lá se vai o equilíbrio de uma família inteira. Da sardinha ao salmão lá vai mais um tostão e o efeito é todo do tempero. Nesta loucura de usar o melhor para tudo e em qualquer momento, inventou-se uma fábrica ainda não tão bem reconhecida para ter o elemento “papel que compra” feita tão e apenasmente para aquele povo que nos tomou tanto tempo para defini-los como representantes nossos neste mundo de BABEL. 

Deu no que está dando. Nada é de ninguém, médico não tem, dinheiro mais vai que vem, o homem honesto corre fazendo amém, o velho ensina o jovem a roubar também, pouco importa o valor da nota maior se é de cem, vamos gastar, GASTEM BEM !!!! Que morra quem tem fé ou não tem para onde correr. Que se matem os bons na droga que circula solta. Terá ânimo para trabalhar mais e viver menos. 

Tudo sobrará para quem nada fez!!! qual remédio custa menos para eu ser mais equilibrada? Não sou forte o bastante para caminhar sem chão, preciso ser medicada, mas o ordenado é tão vergonhoso que se paro o bicho cérebro me come; se corro, o dinheiro acaba para meu mínimo necessário. Vou dando o melhor de mim e que Deus me livre das rasteiras invisíveis a olho nu. Ali havia sorrisos!!!!

LINK CURTO: http://tinyurl.com/lcxnd2o