Universidade para a terceira idade oferece atendimento de fisioterapia

Unisalesiano se destaca em ações na saúde

São realizados de 20 mil e 25 mil atendimentos anuais

No Unisalesiano (Centro Universitário Católico Salesiano Auxilium), o reitor, padre Luigi Favero, estima que sejam realizados de 20 mil e 25 mil atendimentos anuais em diferentes setores. "Em relação aos acadêmicos, a universidade não existe somente para ensinar matemática, química ou engenharia, mas também para formar a consciência social", diz o líder da instituição. 

O reitor relembra que a congregação dos salesianos foi fundada por Dom Bosco há mais de 50 anos com a missão de educar crianças e jovens, sobretudo os mais pobres, e promover a inclusão das classes com menos possibilidade. Ele acredita que a obra salesiana se faz presentes na universidade por meio dessas ações. "Um dos exemplos foi a reconstrução de uma casa incendiada em Araçatuba, há dois anos, por meio da Semana da Cultura e Cidadania." 

Instalada na UNA (Universidade Aberta da Melhor Idade), a clínica de fisioterapia da instituição oferece sessões nos segmentos de cardiorrespirató-ria, ortopedia, neurologia, hidroterapia e ginecologia/obstetrícia, para pacientes de todas as idades. 

São atendidas por alunos acompanhados por professores pessoas com problemas cardíacos, obesidade, problemas respiratórios e incontinência urinária. Além da clínica, os alunos de fisioterapia atuam no Hospital da Mulher, Hospital da Unimed, Santa Casa, Cerest, Lar da Velhice e AMA, por meio de estágio supervisionado.

A instituição também oferece, desde 2006, sessões de equoterapia destinadas a pacientes com problemas neurológicos na empresa HSC. Foram 450 atendimentos realizados no ano passado e uma média de 250 em 2017, até o momento. 

ASSISTÊNCIA JURÍDICA
O centro universitário mantém também escritório de assistência jurídica na UNA com serviços para pessoas com rendimento de até dois salários mínimos especificamente na área da família, o que inclui atendimento voltado para divórcio, execução de alimentos, investigação de paternidade. Também na UNA, está instalada clínica de nutrição com o intuito de avaliar o estado nutricional das pessoas atendidas, além de oferecer orientações sobre alimentação saudável para a população. 

Com taxas acessíveis, os alunos de medicina veterinária realizam, desde 2015, consultas especializadas, exames complementares, cirurgias e castrações de animais acompanhados de professores em hospital instalado no campus. Em maio deste ano, o centro universitário inaugurou clínica de psicologia que realiza entrevista de triagem e acolhimento da população, faz avaliação psicológica de crianças e adultos e trabalha a psicoterapia infantil e de adultos. O espaço funciona uma vez por semana. 

Fávero relembra que, com o curso de medicina da instituição, a formação dos médicos será feita também nas unidades de saúde da rede pública. "Ou seja, eles vão se envolver com a comunidade e ajudar a suprir a demanda de Araçatuba e região."

VEJA AQUI OUTRAS REPORTAGENS SOBRE A SÉRIE
'O ENSINO A SERVIÇO DA COMUNIDADE'
LINK CURTO: http://folha.fr/1.357070