Moradora diz que dono faz limpeza uma vez por ano e joga o lixo em outros imóveis e calçada

Sujeira em esquina do Nova Iorque é alvo de reclamação de vizinha

Um amontoado de entulho e mato na esquina das ruas Jorge Correia e Santo Agostinho, no bairro Nova Iorque, tem incomodado moradores das proximidades. A cirurgiã-dentista Gisleine Arcieri diz que o problema existe desde a semana passada. O caso foi denunciado à Folha pelo Whatsapp - (18) 99663-5314.

Gisleine relatou que o dono de um terreno faz limpeza da área uma vez por ano e joga os entulhos em outros terrenos, na calçada e na rua. “Não é a primeira vez que ele faz isso. Acredito que ele tem certeza da impunidade. Ele ri da fiscalização”, afirmou.

A moradora contou que os motoristas que dobram a esquina são obrigados a entrar na contramão para desviar do entulho, provocando risco de acidentes. Além desse perigo, Gisleine falou que o lixo tem atraído mosquitos para a sua casa.

A cirurgiã-dentista contou que já procurou a Prefeitura, que pediu para ela procurar o Atende Fácil. Gisleine disse que pretende ir até lá hoje, mas teme que a solução do problema demore muito.

OUTRO LADO
Em nota, a Prefeitura e a Secretaria de Obras pediram que ocorrências como estas sejam relatadas no posto do Atende Fácil. Segundo o município, qualquer cidadão pode delatar terrenos ou residências que estejam sujos e que podem se tornar ameaça à saúde pública.

“Após o registro da reclamação, a Prefeitura envia uma equipe de fiscais ao local e notifica o proprietário. Caso o pedido não seja atendido, o proprietário está sujeito a uma multa de até 0,5% do valor venal do imóvel”, informou o município.

PARTICIPE DO DISQUE-FOLHA
Defenda seus direitos e sua cidade. Ligue para a Redação: (18) 3636-7774, envie e-mail para disquefolha@folhadaregiao.com.br ou mensagem pelo Whatsapp: (18) 99663-5314.