Secretária tirou dúvidas de vereadores sobre funcionamento do programa Minha Casa Minha Vida

Secretária da Assistência Social vai à Câmara explicar programa MCMV

A secretária municipal de Assistência Social, Marta Dourado, afirmou que a segunda chamada dos beneficiários com residência do programa Minha Casa, Minha Vida, do governo federal, que não compareceram aos locais e nos horários agendados, foram publicados novamente por três dias para fazer a correção nos nomes e por mais três dias para dar nova chance aos ausentes.

A declaração foi dada pela titular da pasta na sessão dessa segunda-feira (20) na Câmara de Araçatuba, onde compareceu para explicar passo a passo como funciona o cadastro do programa e também para dar informações sobre a segunda etapa do Residencial Águas Claras.

Ela negou haver possibilidade de alguém não ter sido beneficiado por causa de nomes publicados com erros. Na sessão da semana passada, a vereadora Edna Flor (PPS) criticou a forma atual de divulgação dos contemplados pelo programa habitacional apenas em jornal impresso.

AVISO
Para Edna, isso pode fazer com que beneficiados deixem de receber a casa, por não terem comparecido após a convocação.Ela sugeriu que os convocados sejam avisados por meio de correspondência com AR (aviso de recebimento).Após questionamento da vereadora Tieza Marques de Oliveira (PSDB), Marta comentou que a sugestão não é garantia de que a pessoa vai receber o chamado, por conta da mudança delas por causa de aluguéis.

Curta nossa fanpage e receba notícias pelo Facebook