Trecho da avenida Waldir Felizola de Moraes teve iluminação restaurada, mas ainda há outras vias no escuro

Novo trecho de avenida em Araçatuba tem a iluminação recuperada

Após muito tempo no escuro, trecho da avenida Waldir Felizola de Moraes, em Araçatuba, teve restaurada a iluminação no canteiro central. O local que voltou a ser iluminado fica próximo àrua José Bonifácio, em frente a um condomínio de apartamentos.

Há vários meses, a Folha da Região recebe reclamações de moradores e usuários da via devido à escuridão no ponto, que é importante acesso às zonas norte e leste da cidade ou até mesmo ao Centro. 

Segundo o secretário municipal de Obras e Serviços Públicos, Constantino Alexandre Vourlis, nesse trecho, foi furtada a fiação elétrica, que teve de ser refeita. Os técnicos tiveram, inclusive, que cavar o canteiro central para reinstalar os tubos por onde passa a rede elétrica responsável por abastecer os postes. O trabalho foi concluído no início da semana, mas ainda há outros trechos a serem reparados.

AÇÃO
A Prefeitura iniciou no final do ano passado a recuperação da iluminação nos canteiros centrais de avenidas de Araçatuba. O primeiro trecho a receber a melhoria fica na avenida dos Araçás, em frente a um supermercado, próximo à rua Duque de Caxias.

Também em dezembro, foi restabelecida a iluminação em outro trecho dessa mesma avenida, em frente ao antigo terminal ferroviário. Nos dois casos, o trabalho foi feito em parceria com empresas instaladas nesses locais, que forneceram as lâmpadas. 

TRÊS ANOS
No entanto, um ponto que ainda não teve a iluminação recuperada fica na avenida dos Araçás, no trecho paralelo à rua dos Fundadores, logo após o supermercado Casa Diniz. Em maio, completam-se três anos que os fios de cobre utilizados para abastecer os postes foram furtados e, desde então, a via está no escuro. O secretário informa que, nesse local, também terá de ser refeita a instalação dos tubos por onde passam os cabos elétricos e afirma que em breve o trabalho será executado.

Para evitar que os fios elétricos sejam furtados novamente, as tampas das caixas de energia desses postes, cuja fiação é subterrânea, serão concretadas. Os fios de cobre, com maior valor comercial, serão substituídos por fios de alumínio, de menor valor.

LINK CURTO: http://folha.fr/1.386441