Salatino quer que supermercados ofereçam toalhas de papel e álcool em gel para higienização de carrinhos

Mudança

Periscópio

Além do recebimento do projeto que pretende implantar o programa “Escola Sem Partido” no município, outras cinco proposituras foram aprovadas durante a sessão da Câmara de Araçatuba da última segunda-feira (14). Em segunda e última discussão, os parlamentares acataram proposta do vereador Cláudio Henrique da Silva (PMN) que muda o Regimento Interno para permitir aos autores de requerimentos de informações oficiais ao município comentar as respostas que receberem do Executivo em plenário. Porém, apenas os parlamentares que fizeram a solicitação de dados à prefeitura poderão falar sobre a resposta.

Carrinhos de supermercado

DDe autoria de Flávio Salatino (MDB), outro projeto aprovado é o que prevê a obrigatoriedade da instalação de recipientes de álcool em gel e dispensers de papel-toalha para a higienização dos carrinhos usados por clientes de supermercados da cidade. Caso ela seja sancionada pelo prefeito Dilador Borges (PSDB), os estabelecimentos terão 90 dias para se adequar à nova regra.
Executivo

Três dos itens da ordem do dia foram de autoria da Prefeitura de Araçatuba. Um deles atualiza a composição do Conselho Municipal de Turismo. Duas entidades que não têm mais interesse no conselho serão excluídas, enquanto representantes das secretarias de Educação e Cultura serão incluídos. As outras duas proposituras restabelecem o prazo de concessão de áreas públicas para entidades que querem ficar por mais 20 anos desenvolvendo suas atividades em espaços do município.

Terminal rodoviário

Os vereadores de Penápolis cobraram novamente da prefeitura o aumento de cuidados com o terminal rodoviário do município. O pedido foi feito pela parlamentar Ester Mioto (PSD), que disse que o local deveria ser o cartão de visitas da cidade, mas que tem passado por situações que mostram o contrário, como a presença de andarilhos e vários guichês fechados. “Os espaços desocupados poderiam ser utilizados para exposições de trabalhos artísticos e para outros atendimentos que possam somar em benefício ao terminal rodoviário”, afirmou Ester. Como uma forma de resolver o problema, Rubinho Bertolini (SD) sugeriu o aproveitamento dos vigias que trabalhavam nas cancelas da linha férrea para reforçar o apoio ao terminal.

Andarilhos

Porém, entre todos os problemas, o que mais ocupou espaço nos discursos dos vereadores penapolenses foi a situação dos andarilhos. Segundo Carlos Alberto Soares da Silva (PPS), a presença deles no terminal rodoviário deixa inseguras as pessoas que passam pelo local. “De madrugada, a preocupação aumenta”, afirmou o pepessista. Já Francisco José Mendes, o Tiquinho (PSDB), comentou que os andarilhos “mudam de um lugar para o outro” e Nardão Sacomani (DEM) propôs a criação de uma rede de informações entre os municípios para o encaminhamento dos moradores de rua.

Ampliação

Já o parlamentar Júlio Caetano (PSD) fez uma indicação à administração municipal, pedindo a ampliação da UBS (Unidade Básica de Saúde) do bairro Jardim Del Rey, em Penápolis. Segundo o vereador, a unidade tem espaço de construção pequeno para atender à demanda da região, principalmente em relação às salas dos agentes comunitários e de arquivos dos prontuários.

LINK CURTO: http://folha.fr/1.404728