Entre os vídeos encontrados pela polícia, praticante de racha não usa sequer capacete na Rondon

Megaoperação contra racha apreende 16 motos; assista vídeo

As polícias Civil, Militar e Rodoviária de Araçatuba fecharam o cerco contra uma quadrilha especializada em praticar rachas nas rodovias da região Noroeste Paulista. O grupo foi descoberto após postagens de vídeos e fotografias em redes sociais na internet e estaria agindo havia pelo menos 5 anos.

Policiais realizaram nesta quarta-feira (9) megaoperação, batizada de “Velocidade Máxima”, em Araçatuba, Birigui, Catanduva e São José do Rio Preto para cumprimento de 26 mandados de buscas e apreensões em casas de integrantes de participar das disputas nas rodovias, e em oficinas especializadas em “envenenar” motores de motocicletas para a competição. Dezesseis motos foram apreendidas, além de dezenas de equipamentos e peças automotivas. Ninguém foi preso.

INTEGRANTES
Segundo o delegado Fábio Pistori, da Delegacia Seccional de Araçatuba, a quadrilha conta com integrantes do município, além de Catanduva e São José do Rio Preto. Eles utilizavam o Facebook para agendar os rachas que, na maioria das vezes, eram praticados nas rodovias Marechal Rondon, Elyeser Montenegro Magalhães, e em estradas de Jales, Catanduva e Rio Preto.

“Em Araçatuba o grupo se reunia aos finais de semana, durante o dia, para praticar racha em trechos urbanos de rodovias. Nesses trechos, a velocidade máxima permitida é de 80 km/h, mas as motos atingiam mais de 200 km/h”, disse o delegado.

BANDIT
A motocicleta Suzuki Bandit 650 cilindradas que o mecânico Guilherme Fagundes de Oliveira, 22 anos, pilotava no dia em que morreu na avenida Brasília, em Araçatuba, integrava a frota da quadrilha especializada em praticar rachas em rodovias da região Noroeste Paulista, segundo a Polícia Civil.

De acordo com Pistori, a motocicleta, que ficou destruída após o acidente, participou de racha filmado um fim de semana antes da tragédia. Ontem, um dos mandados de busca e apreensão foi cumprido na casa do dono da Bandit, que havia emprestado para o casal dar uma volta naquela tarde de domingo.

Assista a vídeos de praticantes de racha com moto na Rondon: