Deputado Fausto Pinato é próximo do prefeito, Dilador Borges

Manobra para 'salvar' Temer envolve municípios da região

Montante que será destinado pelo deputado Fausto Pinato (PP-SP) é próximo de R$ 2,5 mi

A liberação de emendas parlamentares pelo governo federal para deputados que se mantiveram fiéis ao presidente Michel Temer (PMDB), na votação do recebimento de denúncia de corrupção por parte do peemedebista na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça), poderá beneficiar pelo menos 13 municípios da região de Araçatuba, com aproximadamente R$ 2.470.000,00. 

Esses valores estão sendo destinados para cidades da região pelo deputado federal Fausto Pinato (PP-SP), que é de Fernandópolis, mas tem atuação regional. Além de possuir cabos eleitorais na região, Pinato apoiou a candidatura do prefeito de Araçatuba, Dilador Borges (PSDB), no ano passado e é formado em direito no município. 

Segundo Pinato, ele distribuirá emendas, em média, no valor de R$ 190 mil, para os seguintes municípios: Araçatuba, Andradina, Mirandópolis, Valparaíso, Santópolis do Aguapeí, Santo Antônio do Aracanguá, Birigui, Bilac, Gabriel Monteiro, Pereira Barreto, Guaraçaí, Nova Independência e Rubiácea. 

De acordo com o deputado federal, essas emendas serão para a aquisição de ambulâncias, veículos, vans e verbas de custeio e aquisição de equipamentos para Santas Casas. Uma ambulância no valor de R$ 190 mil já foi destinada a Araçatuba. No entanto, ele afirmou que essas verbas não têm relação com a votação no CCJ. 

DISCORDOU 
Conforme uma reportagem do telejornal Bom Dia Brasil, veiculada ontem pela Rede Globo, Pinato recebeu R$ 7.189.095,00 em emendas parlamentares, que teriam sido em decorrência da deliberação da denúncia contra Temer. Desse total, os recursos destinados aos municípios da região corresponderiam a 35,3%. 
Entretanto, Pinato não concorda com a exatidão dos valores apresentados pela reportagem do telejornal. O parlamentar afirmou que existem emendas de 2015 que estão sendo pagas agora. 

“Em Andradina, por exemplo, tem uma emenda minha de R$ 150 mil que é de 2016”, disse Pinato, que está em Araçatuba desde ontem. 
Além disso, Pinato afirmou que as emendas chamadas extras, destinadas a políticos da base aliada do governo, são práticas corriqueiras, inclusive desde administrações do PSDB e PT. 

Leia esta notícia na íntegra em nossa edição digital para assinantes
LINK CURTO: http://tinyurl.com/y8w32fr8

Curta nossa fanpage e receba notícias pelo Facebook