Moradores descartam todo tipo de lixo no local, prejudicando a comunidade com odores, doenças e aparição de animais peçonhentos

Lixão a céu aberto no antigo Country Club continua incomodando

Prejudica a comunidade

Moradores das proximidades do antigo Country Club, no bairro Country Ville, em Araçatuba, estão indignados com o acúmulo de lixo e falta de fiscalização da vigilância sanitária. O autônomo André Monteiro, 44 anos, conta que, "parte do problema é culpa de alguns moradores que descartam todo tipo de lixo no local, prejudicando a comunidade com odores, doenças e aparição de animais peçonhentos".

Monteiro completa que a Prefeitura sabe da situação e tem um projeto de fazer um ecoponto próximo a esse local. Ele não concorda com o ecoponto, já que é onde deveria ter um parque para as crianças, pois o bairro não oferece nenhuma opção de lazer".
 
O autônomo acrescenta que o local também serve a usuários de drogas. Como informado em matéria em 15/09/2017 da Folha da Região, a Secretaria do Meio Ambiente instalou placas proibindo o descarte de lixo no local. Porém, nenhuma placa foi encontrada pela reportagem da Folha da Região.

OUTRO LADO
A Prefeitura informou em nota que as placas são retiradas pelos mesmos moradores que insistem em descartar o lixo no local impróprio. Acrescenta que a administração tem instalado ecopontos e feito várias campanhas para conscientizar sobre locais inapropriados para descarte do lixo.

A administração completa que o município investe R$ 2 milhões anualmente com a limpeza de locais como o Country, verba que poderia se utilizada em outras áreas, como o lazer.

LINK CURTO: http://folha.fr/1.398102