Homem é preso após esfaquear outro por cigarro

Teve o pulmão perfurado

Um desempregado de 42 anos foi preso em flagrante acusado de esfaquear um autônomo de 49, morador no bairro Umuarama, em Araçatuba, na madrugada do último sábado (12). O crime teria sido cometido porque a vítima, que teve o pulmão perfurado, teria recusado um cigarro ao acusado.

Segundo a polícia, era por volta das 4h quando houve um chamado para atendimento de uma ocorrência de pessoa esfaqueada na via pública, na avenida Odorindo Perenha, em frente a um restaurante.

Os policiais encontraram o estabelecimento fechado e a vítima tinha sido socorrida por equipe de resgate ao pronto-socorro da Santa Casa. Uma testemunha que não quis se identificar indicou aos policiais a direção na qual o autor fugiu após esfaquear o autônomo e ele foi detido na mesma avenida, duas quadras à frente.

O desempregado, que disse ser morador de rua e estava aparentemente embriagado, falou que abordou a vítima, pediu um cigarro e foi agredida por ela. Por isso, pegou um caco de vidro e a golpeou pelas costas.

Após detê-lo, os policiais retornaram ao local onde teria ocorrido o crime, mas não encontraram nenhuma evidência, por isso, foram até a Santa Casa. No hospital eles encontraram o autônomo, que contou que caminhava pela avenida quando foi abordado pelo desempregado que lhe pediu um cigarro.

De acordo com ele, por ter recusado o cigarro, o acusado o atacou pelas costas com uma facada. Exames apontaram que o golpe perfurou o pulmão do paciente. Segundo a assessoria de imprensa da Santa Casa, o paciente passou por cirurgia e se recupera no hospital. O quadro clínico é considerado estável.

O local onde teria ocorrido o crime não foi periciado e a arma utilizada pelo desempregado não foi encontrada pela polícia. Ele foi preso em flagrante por tentativa de homicídio e ficou à disposição da Justiça.

LINK CURTO: http://folha.fr/1.404451