Sede do jornal, no bairro Nova Iorque, em Araçatuba: imparcialidade e pluralidade

Folha da Região: ‘bodas de rubi’ com a comunidade

Jornal celebra 45 anos de fundação mais forte do que nunca

Hoje, dia 11 de junho de 2017, a Folha da Região completa 45 anos de existência. Comparando-se a um casamento, o jornal comemora junto à comunidade suas "bodas de rubi", uma pedra preciosa que tem como característica a resistência, consolidação e a fortificação da união. É assim que uma das maiores empresas de comunicação do noroeste paulista chega aos seus 45 anos de fundação: mais forte do que nunca.

Para a diretora-geral Ana Eliza Assis Lemos Cenci, o marco é um misto de alegria e de um olhar apreensivo diante de tantos desafios que o cenário atual e futuro apresentam. "Ultrapassar a barreira do tempo não tem sido fácil para as empresas de comunicação, principalmente aquelas que se dedicam ao mister de informar e formar cidadãos", ressaltou.

Um dos fatores a comemorar, segundo Ana Eliza, é o número de leitores que acompanha a Folha da Região nas diversas plataformas. Ela frisa que nesses 45 anos de existência, o jornal tem procurado cumprir sua missão com ética e responsabilidade. "Mas também tem procurado se adaptar à era tecnológica, que é uma realidade nos dias de hoje. Desafios são e serão sempre uma constante em nosso trabalho; enfrentá-los com força e determinação é nosso dever", disse a diretora-geral, ao lembrar que em qualquer plataforma, seja impressa ou digital, sempre haverá lugar para o jornalismo de qualidade.

MELHORIAS
Já o diretor comercial da Folha da Região, José Henrique Lemos Cenci, o Petito, destaca que o jornal sempre esteve presente nos importantes momentos da história de Araçatuba e região desde 1972. Além disse, se mantém ao lado da comunidade em questões relacionadas a cobrar melhorias do poder público e também no que diz respeito à fiscalização dos poderes, como uma verdadeira guardiã da população.

"A Folha possui uma marca de informação, credibilidade, com ideal e responsabilidade, sendo capaz de se modificar diante de todas as adversidades vindas do impacto da tecnologia. Conseguimos transformar as dificuldades em oportunidades, sem nunca abrir mão da ética, da decência e dos verdadeiros valores que norteiam pessoas de bem", disse.

Petito ressalta que nunca se leu tanto jornal como hoje em dia, por conta da ampliação de fronteiras que vão muito além do que era possível apenas com o impresso. Hoje, recursos como áudio e vídeo complementam a informação. "Os jornais estão em transição para serem empresas multimídia, pois as plataformas de distribuição atuais permitem isso. Hoje falamos em audiência, não mais apenas número de leitores", afirmou o diretor. Petito frisou que no âmbito comercial também há o desafio de transportar os anunciantes para todas as plataformas disponíveis, gerando muito mais resultados nos negócios.

ESSENCIAL
Por sua vez, o editor-chefe da Folha da Região, Arnon Gomes, acredita que o jornal conquistou seu espaço por levantar bandeiras essenciais ao sucesso do jornalismo, dentre elas, defender os interesses da região de Araçatuba nas diferentes searas da sociedade, com credibilidade, imparcialidade e pluralidade.

DESENVOLVIMENTO
Em circulação desde 11 de junho de 1972, a Folha da Região está presente em 19 cidades da região administrativa de Araçatuba. Filiada ao IVC (Instituto Verificador de Circulação), ANJ (Associação Nacional de Jornais) e APJ (Associação Paulista de Jornais), a empresa possui leitores dos mais variados perfis. E hoje, mais do que jornal impresso, atua também em outras mídias, como a internet e revistas.

Esses eram os ideais de Antônio Barreto dos Santos, Luiz Deleteze e Odorindo Perenha, fundadores da Folha, de criar um jornal de abrangência regional, com bandeiras voltadas ao desenvolvimento, que se fortaleceram a partir do momento em que Genilson Senche (in memoriam) o assumiu, em 1974, e estão aí até hoje. 

VEJA AQUI OUTROS ARTIGOS E REPORTAGENS SOBRE OS 45 ANOS DA FOLHA DA REGIÃO


LINK CURTO: http://tinyurl.com/y9w9mrfd