Aulas de informática são oferecidas para pessoas a partir dos 55 anos de idade

Fatec promove inclusão digital para os idosos e qualificação profissional

Instituição retribui investimento público com serviços gratuitos

Entre os serviços gratuitos oferecidos pela Fatec (Faculdade de Tecnologia) estão a inclusão digital de idosos, cursos rápidos de qualificação profissional, laboratório itinerante de química e orientação profissional. Os atendimentos são prestados por professores, alunos, funcionários administrativos, profissionais contratados e parceiros. 

De acordo com a diretoria, a importância desse trabalho é permitir que a educação pública rompa as paredes da escola e alcancem o conjunto da sociedade. A filosofia desse trabalho consiste na ideia de que, se as pessoas custeiam o serviço público, a instituição deve retribuir o investimento com serviços gratuitos. 

CURSO
Por meio da iniciativa Inclusão Digital Melhor Idade, vinculado ao curso de Análise e Desenvolvimento de Sistemas, são ministradas aulas de informática para pessoas com idade a partir de 55 anos, alguns dos quais não tiveram contato anterior com computadores. São duas turmas por ano. Existente há mais de seis anos, o projeto já inclui digitalmente mais de 600 pessoas. 

Há dois anos, a instituição passou a oferecer, em parceria com o Sebrae-SP e com o governo do Estado de São Paulo, cursos rápidos de qualificação profissional. Em 2016, 540 pessoas participaram dos cursos de assistente administrativo, almoxarife e estoquista, processos de açúcar e álcool, recepção e atendimento, manicure e pedicure, assistente de crédito e cobrança, garçom e técnicas de vendas. 

Em 2017, foram oferecidas capacitações para 200 pessoas nos ramos de maquiagem profissional, decorador de festas, arranjos florais e cestas ornamentais, embalagens e caixas de presente, técnicas de vendas, produção de açúcar e álcool e corte costura.

EMPREGO
Atualmente, a Fatec está ofertando sua primeira turma do Time de Emprego, em parceria com a Prefeitura e com o governo paulista. A iniciativa tem como objetivo ajudar os participantes a se inserirem ou retornarem ao mercado de trabalho por meio de orientações e projeções de carreira.
 
Com o laboratório itinerante de química, ligado à graduação de Biocombustíveis, a instituição visita escolas públicas às quartas-feiras de manhã para estimular o gosto dos alunos pela disciplina.

VEJA AQUI OUTRAS REPORTAGENS SOBRE A SÉRIE
'O ENSINO A SERVIÇO DA COMUNIDADE'
LINK CURTO: http://folha.fr/1.357061