Dupla foi detida por policiais militares ao ser surpreendida cortando cadeados

Dois araçatubenses são presos por furto de bateria de torre de telefonia

Flagrante aconteceu em Irapuru, interior de São Paulo

Dois moradores no residencial Atlântico, em Araçatuba, um com 38 anos e outro com 34, foram presos em flagrante acusados de furtar baterias de torre de telefonia em Irapuru (146 km de Araçatuba).
 
O caso aconteceu na terça-feira (16) e, segundo um representante da Oi, a dupla cometeu o mesmo crime em Flórida Paulista (115 km de Araçatuba). Na ocasião, eles se passaram por técnicos da empresa de telefonia.
 
A dupla foi presa por policiais militares ao ser surpreendida cortando os cadeados que fecham o contêiner que dão acesso às baterias de uma torre da Claro, usando uma esmerilhadeira. Os acusados estavam em um Fiat Palio, onde havia várias ferramentas de uso de serralheria e oito baterias já com os cabos cortados.
 
FOTOS 
Ao tomar conhecimento da prisão, um representante da Oi obteve as fotos dos acusados e as apresentou a uma testemunha do furto de 12 baterias em Flórida Paulista, no último dia 10. Na ocasião, essa pessoa viu um rapaz quebrando o cadeado e, acreditando que fosse um funcionário da empresa, conversou com o suspeito e ofereceu café.
 
Ele entrou em casa para pegar o café e, quando retornou, o homem havia deixado o local com o comparsa, que o aguardava em um carro verde. Ao ver a foto dos presos em Irapuru, a testemunha reconheceu os dois acusados.
 
Segundo apurado pela reportagem, o condutor do carro, que foi preso em Araçatuba pelo mesmo crime anteriormente, foi ouvido e encaminhado para a cadeia. Já o homem que cortava os cadeados foi liberado após audiência de conciliação. Eles devem ser indiciados por furto qualificado.

LINK CURTO: http://tinyurl.com/kls77sg