Dilador observa trabalho de concessionária em nova célula do aterro sanitário

Dilador sobre aterro: 'Não queremos ter os mesmos problemas que encontramos'

O prefeito Dilador Borges (PSDB) esteve na manhã de sexta-feira (2) no aterro sanitário do município para ver de perto a operação da nova célula de postagem e compactação de lixo orgânico. O tucano esteve acompanhado de seus secretários Petrônio Lima (Meio Ambiente e Sustentabilidade) e Constantino Vourlis (Obras e Serviços Públicos), além de engenheiros da Monte Azul Ambiental. 
 
Esta é a quarta célula do aterro colocada em funcionamento. Dilador informou que já está em andamento a solicitação de abertura da quinta célula no mesmo local. 
 
"Não queremos ter os mesmos problemas que encontramos, com caminhões carregados sem ter onde deixar o lixo. Para quem não acreditou e dizia que não dava mais para usar o aterro, está aí a prova de trabalho e respeito ao meio ambiente e à nossa população”, disse o chefe do Executivo. 
 
LAMENTOU
Porém, durante a visita, o prefeito lamentou ter visto plásticos, metais e outros materiais no meio do lixo orgânico. “(Esses materiais) que não vão se decompor, ficam contaminados e ocupam muito espaço, diminuindo a vida útil do aterro”, afirmou o prefeito. 
 
“A campanha de reciclagem 100% aumentou a captação de materiais úteis de 120 toneladas para 200 toneladas por mês e isso mostra que somos capazes de termos uma cidade mais limpa, organizada e com menos desperdício, com a colaboração de todos”, falou o tucano. 
 
ASSINATURA
Ainda na sexta-feira, Dilador também assinou a ordem de serviço para a reforma e adequações nas Emebs (Escolas Municipais de Educação Básica) Professor Leão Nogueira Filho e Sérgio Esgalha. (Ronaldo Ruiz Galdino)

ACESSE AQUI A COLUNA
'PERISCÓPIO'

LINK CURTO: http://folha.fr/1.387740