Dia do café: bebida é a segunda mais consumida no Brasil

Expresso ou coado, com leite ou puro. O café é uma das delícias mais queridinhas do Brasil, país que mais exporta esse grão em todo o mundo. Segundo o Cecafé (Conselho dos Exportadores de Café do Brasil), essa é a segunda bebida mais consumida no Brasil, perdendo apenas para a água. Mas, como não gostar daquele cafezinho para começar o dia com mais disposição ou despertar depois do almoço ou jantar?

Neste sábado (14) é comemorado o dia Mundial do Café e essa data não pode passar em branco, ainda mais para o brasileiro que é apaixonado por essa bebida - segundo pesquisa da Euromonitor Internacional 2017, 795 xícaras de café são consumidas por pessoa ao ano no Brasil, quase seis vezes a média mundial.
Originário da palavra qawha, cujo significado é "vinho", o café chegou a Europa no século XIV, conhecido como o "Vinho da Arábia". No Brasil, o cultivo teve início no século XVIII, mas foi no século posterior que alcançou o status de principal produto da economia do país. 

O professor universitário e barista Paulo Fernandes explica que o café entra no Brasil por questões econômicas e começa a cair no gosto do brasileiro. "No Brasil, o povo tem apreço por coisas que venham de culturas diferentes e isso começou a ser inserido no dia a dia. Além disso, o fator preponderante para o café se tornar popular no Brasil foi o clima e o solo. Foi essa adaptação da planta no Brasil, proporcionando ótimas safras e ótimos produtos, que ajudou bastante nessa popularização da bebida", explica Fernandes. 

LINK CURTO: http://folha.fr/1.399513