Construtor é acusado de matar rapaz na frente da filha

O desempregado Ricardo Willian Cassiano Cláudio, 29 anos, foi morto na noite deste sábado, dia 11, em Araçatuba, com um tiro na cabeça. Segundo boletim de ocorrência, o acusado de cometer o crime é um construtor de 42 anos que teria fugido após o homicídio e até o final da manhã de domingo, Dia dos Pais, não havia sido localizado.

O crime aconteceu por volta das 19h10 na casa do desempregado, na avenida Prestes Maia, no Jardim Planalto. A filha do construtor, uma adolescente de 13 anos que morava com a vítima havia cerca de 3 meses, estava no local e contou aos policiais que viu o pai atirando contra o namorado. Cláudio morreu na hora.

De acordo com boletim de ocorrência, o construtor chegou na casa e chamou pela filha. Após abrir o portão para o pai, já dentro da casa do namorado o acusado teria perguntado pelo rapaz. Momento em que a adolescente alertou Cláudio que seu pai estava na residência.

VÍTIMA
A vítima estava deitada em um dos quartos e foi em direção à cozinha, onde estava o construtor e a moça. Lá, o acusado teria sacado o revólver e efetuado o único disparo. Após o crime o homem fugiu em uma motocicleta. A arma utilizada no crime também não foi localizada.