Comerciante é agredido após negar bebida a cliente

Cliente já estaria alcoolizado

Um comerciante de 63 anos, morador no Jardim Universo, em Araçatuba, acusa um cliente de tê-lo agredido após ter recusado vender bebida alcoólica a ele, na noite de sexta-feira (18).

Policiais militares foram até a padaria por volta das 18h40 e foram informados que a vítima tinha sido ameaçada de morte pelo suspeito, que tem 39 anos e mora na Vila Aeronáutica. O comerciante teria se recusado a vender mais bebida ao cliente porque ele já estaria alcoolizado.

Alguns minutos mais tarde, os policiais foram chamados novamente e encontraram a vítima com lesões nos dois olhos, ferimentos nos braços e se queixando de dores nas costas. Ela alegou que o suspeito retornou na companhia de dois desconhecidos e passaram a agredi-lo com vários chutes tapas, socos e até com uma garrafa.

Após os agressores fugirem, a vítima notou que uma garrafa de vinho tinha sido levada pelos autores das agressões. Os policiais saíram em patrulhamento e encontraram o acusado, que é conhecido nos meios policiais. Levado à delegacia, ele negou os crimes, foi ouvido e liberado.

Após passar por atendimento médico, o comerciante seria submetido a exame de corpo de delito.

LINK CURTO: http://folha.fr/1.356674