Petista comentou que já não tem participado mais das reuniões da sigla no município

Cido Sério deve deixar PT para se candidatar a deputado federal

Segundo ele, dez partidos estão à sua procura

O ex-prefeito Cido Sério (PT) disse na terça-feira (2), em uma entrevista a uma emissora de rádio de Araçatuba, que tem conversado com vários partidos a respeito de uma possível filiação. Argumentando que sua permanência no Partido dos Trabalhadores, por conta de divergências com a direção local da sigla, ele comentou que cerca de dez legendas o procuraram para falar sobre o assunto, como o PSD, PTB e PCdoB. Segundo Cido, ele se dá bem com todos os partidos. 
 
A única impossibilidade de filiação, obviamente, seria o PSDB do atual chefe do Executivo, Dilador Borges. 
 
DESGASTES
O petista comentou que já não tem participado mais das reuniões da sigla no município. Embora os atritos com a legenda tenham começado há mais tempo, um dos fatores essenciais para o desgaste foi ele não ter apoiado a candidatura a prefeito do ex-secretário de Cultura Hélio Consolaro.
 
O ex-prefeito contou que até se reuniu com Consolaro e Luís Fernando de Arruda Ramos, já falecido, para construir uma candidatura única. Após a recusa de ambos, Cido afirmou que decidiu não apoiar ninguém. 
 
CANDIDATURA
Sobre uma eventual candidatura nas próximas eleições, Cido falou que o assunto ainda está sendo discutido dentro de seu grupo político. Mas caso a hipótese se confirme, ele disputará uma cadeira de deputado federal. (Ronaldo Ruiz Galdino)

ACESSE AQUI A COLUNA
'PERISCÓPIO'

LINK CURTO: http://folha.fr/1.382331