Nos dois últimos embates eleitorais que tiveram, em 2008 e 2012, Cido (esq.) levou a melhor

Cido pode concorrer à Prefeitura em 2020; Dilador ainda não decidiu

Disputa seria chance de 'tira-teima' entre petista e tucano

Informações dos bastidores políticos de Araçatuba dão conta de que as pretensões eleitorais do ex-prefeito Cido Sério (PT) não se resumem ao pleito do próximo ano. Ele estaria falando abertamente para pessoas próximas que pretende se candidatar a prefeito novamente em 2020, mesmo com condenações na Justiça que eventualmente poderiam retirá-lo da disputa. 
 
Na semana passada, Cido disse em entrevista a uma emissora de rádio que seu grupo político está estudando uma possível candidatura sua a deputado federal neste ano e que cerca de dez partidos estariam conversando com ele a respeito de filiá-lo, quando ele deixar o Partido dos Trabalhadores. 
 
SÓ QUATRO ANOS?
Por sua vez, o atual chefe do Executivo, Dilador Borges (PSDB), tem dito a pessoas próximas que seu foco é ser prefeito por quatro anos, o que dá a entender que o tucano não teria interesse em disputar a reeleição no próximo pleito municipal. Porém, esse discurso é comum entre os políticos que estão no início de seus mandatos. 
 
'SERIA UMA PENA'
Apesar de ainda ser cedo para bater o martelo e dizer que Dilador não tentará a reeleição, observadores dos bastidores políticos do município avaliam que seria uma pena o tucano não se candidatar em 2020, caso Cido Sério coloque seu nome na disputa.
 
Eles dizem que seria a chance de um “tira-teima” para saber quem realmente fez uma boa administração. Nos dois últimos embates eleitorais que tiveram, em 2008 e 2012, o petista levou a melhor.
 
EDNA
A respeito da possibilidade de Dilador não tentar a reeleição em 2020, observadores dos bastidores políticos se questionam quem seria o possível sucessor. Eles avaliam que, em razão de o secretariado do tucano ser muito técnico, os prováveis nomes, até o momento, seriam o da vice-prefeita Edna Flor (PPS) e o do presidente da Câmara de Araçatuba, Rivael Papinha (PSB). 
 
VAI APOIAR?
Segundo fontes desta coluna no Paço Municipal, Papinha tem frequentado bastante a Prefeitura de Araçatuba. Os observadores dos bastidores políticos se perguntam se Dilador vai apoiá-lo em uma eventual candidatura a deputado federal. 
 
Se Edna se candidatar a deputada estadual, as chances são grandes. A dúvida que fica é: como será a postura do pessebista na Câmara caso o tucano não venha a apoiá-lo nas eleições. Ele ficaria na base governista ou iria para oposição?(Ronaldo Ruiz Galdino)
ACESSE AQUI A COLUNA
'PERISCÓPIO'
LINK CURTO: http://folha.fr/1.382991