Moradora diz que teme pelo filho dela, que é autista, e corre risco constante ao pisar em chão molhado

Casa entregue há oito meses tem problema em sanitário e goteiras

Vaso sanitário está solto e paredes ficam molhadas quando chove

Uma das casas do programa Minha Casa Minha Vida, localizada na rua Igor Dourado de Castro, número 2006, bairro Porto Real 2, em Araçatuba, está com problemas há cinco meses, conta a dona de casa Maria de Fátima Silva, 39 anos.

Segundo ela, desde julho os problemas atrapalham o dia a dia dela e de seus dois filhos. O vaso sanitário está solto e quando chove as paredes ficam molhadas, pois a água escorre pelo forro de PVC. "Um dos meus filhos é autista e sempre que ele vai usar o banheiro é perigoso. Eu fico muito preocupada porque ele pode se machucar e não é sempre que eu posso acompanhá-lo", relata a dona de casa.

Maria de Fátima alega que o bairro foi inaugurado em abril e os moradores receberam as residências em perfeito estado. No entanto, assim que começou o período de chuva, os problemas começaram a aparecer. 

OUTRO LADO
A assessoria de imprensa da Lomy Engenharia informa, em nota, que a moradora entrou em contato com a construtora no dia 18 de dezembro e que a casa foi avaliada no mesmo dia. 

Na vistoria, foram constatados os problemas de vaso sanitário e goteiras, que serão reparados nos dias 26 e 29 de dezembro, respectivamente.

PARTICIPE DO DISQUE-FOLHA
Defenda seus direitos e sua cidade. Ligue para a Redação: (18) 3636-7774, envie e-mail para disquefolha@folhadaregiao.com.br ou mensagem pelo Whatsapp: (18) 99663-5314.

Leia aqui outras reportagens da coluna.

LINK CURTO: http://folha.fr/1.381306