Araçatuba registra primeiro caso de leishmaniose do ano

A Vigilância Epidemiológica de Araçatuba registrou o primeiro caso de leishmaniose em humano deste ano. Outros dois foram registrados como suspeitos e aguardam o resultado de exames.

Os dados dos pacientes não foram divulgados. Porém, conforme apuração da reportagem, o caso confirmado é de uma mulher, de 54 anos, moradora no bairro Concórdia 3. Um dos pacientes suspeitos está internado na Santa Casa de Araçatuba. O estado de saúde deles não foi divulgado.

BLOQUEIO
Conforme o município, o combate à doença é feito por medidas de bloqueio, manejo ambiental e ações de conscientização educação em relação aos cuidados nas residências. Além dos humanos, o CCZ (Centro de Controle de Zoonoses) já confirmou a doença em 12 animais neste ano.
 
No ano passado, Araçatuba teve nove casos da doença em humanos e 475 em animais. 

LINK CURTO: http://folha.fr/1.387127