Amanda Martinelli Vitro é psicóloga e atua em clínica e escola particular de Araçatuba; formada pela FEA, pós-graduada em neuropsicologia

Amanda Martinelli Vitro: Você pode controlar suas emoções, acredite!

Mais um ano se iniciou e, com ele, vem a imersão em nossas crises existenciais. Nesse momento, podemos ficar mais reflexivos e filosóficos a respeito dos temas: vida, ser e morte. “De onde eu vim?”, “Quem eu sou?”, “Para onde eu vou?”. Por causa dessas dúvidas que pairam sobre a nossa cabeça, ainda mais no começo do ano, foi criado o “Janeiro Branco”, uma campanha ainda nova, que merece muita atenção. 
 
A campanha objetiva mobilizar a sociedade em favor da saúde mental. Na campanha, psiquiatras, psicólogos e assistentes sociais lutam por um mundo melhor e uma humanidade com mais amor e mais responsabilidade em relação a si mesmo e em relação a cada uma das suas partes.
 
Identificou-se? Não se desespere, pois você não está só na busca dessas respostas. E não fique abatido, porque você pode se satisfazer e entrar em equilíbrio quando tiver suas convicções de vida. Você não nasceu só para sofrer e não tem como separar o que você pensa ser da sua saúde mental.
 
Não está conseguindo se satisfazer? Sua vida familiar, profissional, amorosa e espiritual não lhe traz nenhuma alegria? Saiba que o sinal vermelho está acionado e é hora de se cuidar.
 
A proposta dessa campanha é ajudar a procurar ajuda profissional. Não se acostume com a “dor da alma”, porque logo o corpo também começa a gritar e garanto que você não irá suportar, pois as energias vão embora, as motivações se aniquilam, o colorido da vida se torna cinza e você passa a não querer mais existir. O agora não terá mais um porquê, nem mesmo haverá um porvir. Hei! Eu estou te convidando a tomar uma atitude! Você pode controlar suas emoções, acredite. Somos o que pensamos, o que sentimos e o que fazemos.
 
Não há outra forma de se sentir vivo e capacitado para superar as situações adversas se não souber do que é capaz. Você é um ser único e integralizado, é biológico e psicológico, é emocional e social, é relacional e espiritual. Já pensou nisso, que algo pode estar em desordem? Importe-se com esses aspectos. Cuide-se. Precisamos priorizar a qualidade da nossa existência.
 
Mais uma vez vou chamar a atenção. Hei!!! Não fique parado! Corra atrás das respostas, tenha seu diagnóstico nas mãos, mesmo que ele seja ruim. Garanto que há tratamento. Mas você pode ter dado a sua sentença e estar vivenciando suas crenças de derrota e com isso vai deixando de desfrutar da vida. Procure ajuda! Você pode viver melhor! Seus problemas só diminuem quando você cresce e não adoece emocionalmente.
LINK CURTO: http://folha.fr/1.383745