A classificação de Araçatuba e a consequência

Resultado reflete o desenvolvimento do setor produtivo

A 79ª posição obtida por Araçatuba no ranking anual feito pela consultoria Urban System, publicado pela revista “Exame”, que relacionou os melhores municípios brasileiros para se investir, é, principalmente, reflexo do desenvolvimento do setor produtivo na maior cidade da região nos últimos anos. Ora, entre os itens considerados na avaliação estão dados econômicos e índices de emprego, além da educação, setor que se expandiu significativamente também dentre os 43 municípios na última década. Outros pontos foram saúde e infraestrutura.

Por mais que o dado seja importante e estimulante para a realização de novas ações voltadas aos desenvolvimento econômico, o levantamento surpreendeu lideranças dos setores público e privado locais, de acordo com reportagem publicada na edição de terça-feira da Folha da Região.

De 2007 até os dias atuais, a cidade testemunhou um grande avanço no setor comercial. Ganhou diferentes estabelecimentos gastronômicos, supermercados, hipermercado e mais um shopping center, o que contribuiu, e muito, para o crescimento de franquias, que, na atualidade, são apontadas como uma das principais apostas para o empresário que deseja ter retorno imediato. Esse boom, de certa forma, elevou as oportunidades de trabalho.

Paralelamente, houve a consolidação do município como polo de ensino, o que se percebe no leque de opções de cursos universitários e profissionalizantes abertos recentemente. Especificamente nos últimos cinco anos, com opções de aprendizado até então inexistentes na cidade, como medicina e gastronomia. O que se depreende disso? A possibilidade de se encontrar mão de obra qualificada é também um atrativo para novos investidores, principalmente de segmentos onde antes não havia mercado.

Levantamento como este mostra, por outro lado, que, se houver, daqui para frente, uma preocupação com a melhora nas condições de outros atributos capazes de impulsionar o desenvolvimento, novos investimentos virão. É fato consumado que Araçatuba precisa melhorar sua logística, hoje, prejudicada por vias públicas com problemas de asfaltamento. O próprio parque industrial, que poderia ser um campo para dar ao município posições ainda melhores, sofre com problemas de infraestrutura básica.

Portanto, mais do que um dado a se comemorar e a divulgar como forma de atrair investidores, a pesquisa da Urban System deixa a sensação de que Araçatuba não pode se contentar. Melhorando alguns pontos e corrigindo o que não funciona em outros setores, a cidade pode avançar mais.

LINK CURTO: http://folha.fr/1.367198