Folha da Região - 40 anos de fundação da Folha da Região: entre a história e a reflexão

40 anos de fundação da Folha da Região: entre a história e a reflexão

Da Redação +++ --- Encaminhar Erro Imprimir


Segunda-Feira - 11/06/2012 - 19h02



Atualização: 19h49 de 12/06/2012


Reprodução
               
Caderno especial sobre os 40 anos da Folha circulou no domingo na edição impressa do jornal


Resumir em um único caderno quatro décadas de informação e serviços prestados à população por um veículo de comunicação de abrangência regional, com suas perspectivas para o futuro. Tarefa difícil. Em circulação desde 11 de junho de 1972, a Folha da Região está presente em 36 das 43 cidades da região administrativa de Araçatuba, o equivalente a 6,5% do Estado de São Paulo. Tem leitores dos mais variados perfis. E, hoje, mais do que jornal impresso, atua também em outras mídias, como TV, internet e revistas.

Com o propósito de reportar esta trajetória, uma equipe da própria Folha se dedicou nos últimos dois meses a produzir um material sobre a história de um dos principais jornais do Interior paulista. Foi preciso recorrer às páginas já amareladas de edições antigas nos próprios arquivos do jornal, mas também pensar em como oferecer ao leitor um produto diferente de outros aqui já elaborados sobre datas marcantes deste veículo, como ocorreu quando a Folha chegou aos seus 25 e 30 anos e à marca de dez mil edições, em 2004.

O jornal evoluiu muito em 40 anos? Sim. Mas foi na última década que sua presença em diferentes plataformas de mídia se consolidou, o que ampliou sua interação com a comunidade. Em 2002, quando a Folha completou três décadas e pela última vez se produziu caderno comemorativo de seu aniversário, a empresa não tinha canal de TV. Revistas não se faziam. Completavam-se dois anos do portal. Hoje, já se desenvolvem caminhos que permitem a leitura do jornal em tablets e no telefone celular.

O prêmio Esso, maior honraria da imprensa brasileira, ainda não havia sido conquistado. Não havia aparato capaz de promover a interação entre profissionais do jornal impresso, da TV e da internet em uma cobertura jornalística. Assim ocorreu, por exemplo, nas últimas duas eleições, o que justifica a tese da diretora-geral da Folha, Ana Eliza Assis Lemos Senche, segundo a qual a “tendência hoje é sermos multimídia”. Todos esses avanços e conquistas foram abordados em um caderno especial encartado na edição impressa de domingo (10).

As pesquisas feitas nesse trabalho permitiram concluir que a Folha foi testemunha ocular de fatos que marcaram, positiva ou negativamente, as quatro últimas décadas da nona região administrativa do Estado, o que, neste caderno, é perceptível em cada página, com assuntos que foram notícia no jornal em diferentes anos de sua existência.

O caderno não deixa de lembrar as ideias norteadoras da criação do jornal e que ainda hoje estão presentes, em meio a avanços tecnológicos. São os ideais de Antônio Barreto dos Santos, Luiz Deleteze e Odorindo Perenha, fundadores da Folha, de criar um jornal de abrangência regional, com bandeiras voltadas ao desenvolvimento, que se fortaleceram a partir do momento em que Genilson Senche o assumiu e estão aí até hoje.

A presente publicação também produz uma reflexão para todos os profissionais de imprensa: mesmo com os avanços tecnológicos, a essência da reportagem, principal matéria-prima do jornalismo, permanece a mesma de 40 anos atrás. Foram feitas entrevistas com antigos jornalistas e pesquisas sobre o modo de produção da Folha em seus primórdios para uma comparação com a estrutura que se tem nos dias de hoje. Mesmo com tantos recursos materiais, a reportagem mantém o compromisso com a verdade, ajuda a buscar soluções para problemas da sociedade e, quando necessário, interfere na tomada de decisões em prol da comunidade.

Tudo isso, sempre com a preocupação com a cidadania, razão de seu noticiário e de inúmeros projetos desenvolvidos ao longo do tempo, como os de incentivo à leitura entre os estudantes. Que este caderno, que também pode ser acessado na íntegra por assinantes da edição virtual, seja um instrumento para divulgar não só a história do jornal como a importância da imprensa na região.




Comentários
Comente esta matéria

Atenção: os comentários são moderados. Seu e-mail e telefone não serão divulgados, mas é necessário informá-los. Opiniões agressivas e palavrões não serão publicados neste espaço. Forneça seu nome completo.

Nome completo *
CPF *
E-mail (Não será publicado) *
Cidade *
Profissão *
Telefone (Somente números) *

* Informe seu nome completo, caso contrário a opinião não será publicada.
** Por favor, não escreva textos apenas em letra maiúscula.

Máximo de 500 caracteres.
Se quiser escrever um artigo para o jornal, envie o texto para artigos@folhadaregiao.com.br





Autoriza publicação desta opinião no portal e no jornal impresso?

Sim    Não

Folha da Região Facebook Twitter Instagram Google+ TV Araçatuba no Youtube Assine a Folha da Região Classificados
Expediente Telefones Comercial Classificados Contato Opiniões
Copyright Folha da Região. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folha da Região.
Rua Joaquim Fernandes, 445 - Jardim Nova Iorque - CEP 16018-280 - Araçatuba/SP - Brasil - Telefone +55(18)3636-7774