Folha da Região - Acasalamento de porcos seguido de morte acaba na Justiça

Acasalamento de porcos seguido de morte acaba na Justiça

Marina Belei +++ --- Encaminhar Erro Imprimir


Segunda-Feira - 12/12/2011 - 22h16



Google+
Atualização: 18h01 de 13/12/2011


Aline Brancalhão/Divulgação
               
O porco que teria invadido propriedade do vizinho para cruzar com porca, que acabou morrendo


A Justiça de Andradina determinou que um produtor rural de Nova Independência pague meio salário mínimo a uma instituição de caridade pela morte de uma porca, provocada por atividade sexual excessiva por parte de um porco de sua propriedade.

Conforme a determinação judicial, homologada durante audiência no Fórum de Andradina na tarde desta segunda-feira (12), o agricultor Devaldo Alves, 58 anos, falhou na questão da cautela do animal ao deixá-lo ir até o chiqueiro do vizinho, o que é considerada uma contravenção penal. A transação penal foi proposta pelo Ministério Público e homologada pelo juiz diretor do Juizado Especial Criminal de Andradina, Leandro Augusto Gonçalves Santos.

O advogado de defesa de Devaldo, Gilvaine Ortuzal, ressalta que este foi um dos casos mais inusitados dos quais já atendeu. "Apesar de parecer uma piada o caso deve ser encarado com seriedade e até de forma educativa, pois independente do animal, seja ele um cachorro, porco, ou qualquer outro, somos responsáveis pelos seus atos. Meu cliente ficou satisfeito pelo resultado, pois apesar de tudo, acabou ajudando uma instituição que cuida de crianças carentes, ainda mais nesta época de Natal", finalizou.

Leia esta notícia na íntegra em nossa edição digital para assinantes

Comentários
Comente esta matéria

Atenção: os comentários são moderados. Seu e-mail e telefone não serão divulgados, mas é necessário informá-los. Opiniões agressivas e palavrões não serão publicados neste espaço. Forneça seu nome completo.

Nome completo *
CPF *
E-mail (Não será publicado) *
Cidade *
Profissão *
Telefone (Somente números) *

* Informe seu nome completo, caso contrário a opinião não será publicada.
** Por favor, não escreva textos apenas em letra maiúscula.

Máximo de 500 caracteres.
Se quiser escrever um artigo para o jornal, envie o texto para artigos@folhadaregiao.com.br





Autoriza publicação desta opinião no portal e no jornal impresso?

Sim    Não

Folha da Região Facebook Twitter Instagram Google+ TV Araçatuba no Youtube Assine a Folha da Região Classificados Image Map
Expediente Telefones Comercial Classificados Contato Opiniões
Copyright Folha da Região. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da Folha da Região.
Rua Joaquim Fernandes, 445 - Jardim Nova Iorque - CEP 16018-280 - Araçatuba/SP - Brasil - Telefone +55(18)3636-7774