Mulher é morta com mais de 10 facadas em Valparaíso

Mulher é morta com mais de 10 facadas em Valparaíso

Luciana Pereira, 33 anos, foi assassinada com mais de 10 facadas na manhã de ontem, em Valparaíso. O crime aconteceu por volta das 8h na casa onde a vítima morava, na rua 15 de Novembro, bairro Lambari. Na noite de ontem, dois acusados de participação no crime foram presos. Um deles, confessou o assassinato.

Luciana foi assassinada dentro da própria casa. Segundo a polícia, o crime teria ocorrido na frente de dois filhos da vítima, menores de idade. Uma vizinha ouviu Luciana pedir por socorro. A mulher chegou a ver dois homens com os rostos encobertos dentro da casa da vítima.

Assim que os criminosos deixaram o local, a vizinha encontrou o corpo da vítima, já sem vida. A Polícia Militar foi chamada e constatou a morte da mulher, que morava com os filhos.

Pelo que a polícia apurou, o homicídio teria sido motivado por envolvimento da vítima com o tráfico de drogas. De acordo com a delegacia de Valparaíso, Luciana seria responsável pela venda de entorpecente, principalmente crack.

Após a prisão do acusado, a polícia apurou que uma dívida de droga no valor de R$ 200 teria motivado o crime. A dívida teria sido contraída pelo autor do homicídio, um dependente químico.

O acusado alegou que vinha sendo ameaçado de morte por Luciana. Ele disse que por várias vezes, a vítima mandou recado dizendo que iria mandar matá-lo caso não pagasse o que devia. O acusado disse que resolveu cometer o crime por medo de ser assassinado, em razão da dívida que não conseguia pagar.

A delegacia de Valparaíso já havia recebido várias denúncias informando que Luciana estaria comandando uma boca-de-fumo, cuja especialidade seria vender crack. "Ela já estava sendo investigada", disse uma policial. Este foi o primeiro homicídio de Valparaíso e o segundo registrado na região de Araçatuba neste ano.






Edição impressa



- Assine a Folha
- Acesse a edição digital e anteriores (assinante)
- Experimente a edição digital por 15 dias

A Folha


- Sobre
- Diretrizes
- Expediente
- Contato
- Telefones
- Classificados
- Grupo no Whatsapp

Blogs da Folha


- A Morte sem tabus
- A vitória pela educação
- Coluna Ciência