Dunga critica promotor sobre o adiamento de posse

Dunga critica promotor sobre o adiamento de posse

O presidente da Câmara Municipal de Araçatuba, Antônio Edwaldo Costa, o Dunga (PSDB), aproveitou os 15 minutos que tinha direito de usar a tribuna da Casa, durante a sessão de segunda-feira, e fez críticas ao promotor da Infância e da Juventude, Lindson Gimenes de Almeida, e ao Ministério Público, sobre a eleição para o Conselho Tutelar realizada domingo.

As críticas se deram por causa do pedido que o promotor fez ao prefeito Jorge Maluly Netto (PFL) e ao presidente do Comdica (Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente), Edson Nunes, de adiar a posse dos novos conselheiros por pelo menos 15 dias, para que o MP investigue as denúncias de irregularidades na eleição.

Doze boletins de ocorrência foram registrados pela Polícia Militar no domingo, sendo que nove faziam referência a denúncias de transporte irregular de eleitores, abuso de poder econômico e aliciamento de votos.

Os dois primeiros colocados na eleição e novas lideranças citadas por Dunga têm ligação direta com ele. Edwaldo Costa, o Guga, que teve 1.072 votos, é seu filho, e Suelen Keiko Hara Takahama, que teve 865 votos, é namorada de Guga.

Leia reportagem completa na edição desta quarta-feira da Folha da Região.

Serviços


- Folha Imóveis
- Edição Digital (assinantes)
- Classificados
- Assine a Folha
- Grupo no Whatsapp





Edição impressa



- Assine a Folha
- Acesse a edição digital e anteriores (assinante)
- Experimente a edição digital por 15 dias

A Folha


- Sobre
- Diretrizes
- Expediente
- Contato
- Telefones
- Classificados
- Grupo no Whatsapp

Blogs da Folha


- A Morte sem tabus
- A vitória pela educação
- Coluna Ciência