28 cabeças de gado são furtadas de propriedade

28 cabeças de gado são furtadas de propriedade

A Polícia Civil de Alto Alegre investiga um furto de 28 cabeças de gado nelore. O crime aconteceu na madrugada de ontem, em um sítio no bairro Padre Claro, zona rural do município. A polícia ainda não tem pistas dos assaltantes.

Esse é o segundo furto de gado ocorrido na região nas últimas duas semanas. O primeiro foi registrado em Coroados. Os criminosos furtaram de uma fazenda 25 animais.

CRIME
Segundo o proprietário do sítio, um senhor de 70 anos, para ter acesso à propriedade, os assaltantes quebraram um cadeado e também cortaram as cercas. A polícia acredita que os animais tenham sido transportados em um caminhão, já que no pasto do sítio foram localizados rastros de pneus.

Os animais furtados estavam no embarcadouro da propriedade. Todos eles têm a marca MM no couro e eram pretos e brancos. Cada um pesa entre 12 e 14 arrobas, o equivalente a quase 180 quilos.

O proprietário contou à polícia que não ouviu barulhos durante a noite. Os bandidos fugiram com o gado pela rodovia Assis Chateaubriand (SP-425). Até agora ninguém foi preso.






Edição impressa



- Assine a Folha
- Acesse a edição digital e anteriores (assinante)
- Experimente a edição digital por 15 dias

A Folha


- Sobre
- Diretrizes
- Expediente
- Contato
- Telefones
- Classificados
- Grupo no Whatsapp

Blogs da Folha


- A Morte sem tabus
- A vitória pela educação
- Coluna Ciência